Pesquisa
Seat Toledo e Seat Mii eléctricos lado a lado no Montjuïc

Em 1992, a Seat deu um passo decisivo na automobilidade sustentável com um Toledo 100% eléctrico que nunca chegou à linha de produção.

Aquele ano foi decisivo para a projecção de uma nova Espanha no mundo: cumpriam-se 500 anos sobre a descoberta da América por Cristóvão Colombo, de pé estava a Exposição Universal de Sevilha, e Barcelona recebia os Jogos Olímpicos.

Sediada em Martorell, mesmo ao lado da capital da Catalunha, o construtor espanhol foi convidado a acompanhar a prova que encerrou, a 9 de Agosto, aquela festa do desporto mundial.

Foi desenvolvido, nesse sentido, um Seat Toledo 100% eléctrico para acompanhar a maratona dos Jogos Olímpicos, corrida nas ruas de Barcelona.

Agora que passam 28 anos sobre aquele momento histórico, a insígnia espanhola decidiu celebrar a data, colocando o Toledo original ao lado de um Mii 100% eléctrico.

Foi mais uma maratona em redor de Montjuïc, mostrando as raízes históricas da Seat na aposta da automobilidade electrificada. E a comparação vale alguns sorrisos bem-dispostos para ver as principais diferenças entre ambos os modelos.

Recorde-se que o construtor espanhol anunciou há um mês investimentos no valor de 5.000 milhões de euros para os próximos cinco anos, com a electrificação como foco principal.

Além do Mii, no leque das ofertas electrificadas da Seat estão as versões híbridas do León e do Tarraco, sem esquecer o CUPRA León eHybrid, e os futuros CUPRA Formentor e CUPRA el-Born, sendo este último totalmente eléctrico.

Já segue o Aquela Máquina no Instagram?

Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Utils/
Subscrever Newsletter
pub
×
Enviar artigo por email

Restam 350 caracteres

×
Para poder adicionar esta notícia aos seus favoritos deverá efectuar login. Caso não esteja registado no site de Aquela Máquina, efectue o seu registo gratuito.