Pesquisa
Super Carros
Ford GT mais poderoso: edição especial chega aos 669 cv
12:36 - 06-02-2020
 
Ford GT mais poderoso: edição especial chega aos 669 cvFord GT mais poderoso: edição especial chega aos 669 cvFord GT mais poderoso: edição especial chega aos 669 cvFord GT mais poderoso: edição especial chega aos 669 cvFord GT mais poderoso: edição especial chega aos 669 cvFord GT mais poderoso: edição especial chega aos 669 cvFord GT mais poderoso: edição especial chega aos 669 cvFord GT mais poderoso: edição especial chega aos 669 cvFord GT mais poderoso: edição especial chega aos 669 cvFord GT mais poderoso: edição especial chega aos 669 cvFord GT mais poderoso: edição especial chega aos 669 cvFord GT mais poderoso: edição especial chega aos 669 cv
Ford GT mais poderoso: edição especial chega aos 669 cvFord GT mais poderoso: edição especial chega aos 669 cvFord GT mais poderoso: edição especial chega aos 669 cvFord GT mais poderoso: edição especial chega aos 669 cvFord GT mais poderoso: edição especial chega aos 669 cvFord GT mais poderoso: edição especial chega aos 669 cvFord GT mais poderoso: edição especial chega aos 669 cvFord GT mais poderoso: edição especial chega aos 669 cvFord GT mais poderoso: edição especial chega aos 669 cvFord GT mais poderoso: edição especial chega aos 669 cvFord GT mais poderoso: edição especial chega aos 669 cvFord GT mais poderoso: edição especial chega aos 669 cv
Ford GT mais poderoso: edição especial chega aos 669 cv

O sucesso do Ford GT está para durar, como está patente nas duas edições especiais que a Ford Performance recriou: a versão Liquid Carbon e a variante Gulf Racing.

Ford GT mais poderoso: edição especial chega aos 669 cv

O super carro sofreu uma actualização ao nível da potência e da refrigeração do motor em relação à versão original lançada em 2017, com o motor V6 biturbo EcoBoost de 3.5 litros a subir dos originais 656 cv para 669 cv.

Tomando em linha de conta a experiência adquirida com o GT Mk II para competição, a calibração do propulsor também foi revista, de maneira a disponibilizar um binário ainda mais amplo a partir dos originais 746 Nm.

O sistema de refrigeração do motor também foi revisto, reforçando em 50% o fluxo de ar mas mantendo a sua temperatura a níveis baixos através de intercoolers maiores.

A suspensão também foi alvo da atenção dos técnicos da Ford Performance, para um melhor controlo do super carro, principalmente nas transições a alta velocidade.

De série, o Ford GT integra agora um sistema de escape Akrapovic em titânio, quatro quilos mais leve do que na versão anterior mas mantendo o som inconfundível do motor V6.

Em termos de escolha pela variante mais apelativa, a decisão não será fácil: a versão Liquid Carbon é proposta com uma carroçaria em fibra de carbono revestida com um verniz especial que realça os detalhes do modelo.

Já a decoração Gulf Racing foi actualizada com um novo design, para reforçar a ligação ao GT40 que venceu as 24 Horas de Le Mans em 1968 e 1969.

Ambas as variantes são propostas, de série, com as jantes de fibra de carbono propostas de série, tendo os aficionados do modelo várias opções para embelezarem os discos e as pinças de travão.

As pré-encomendas para ambas as edições especiais já estão abertas, mas os felizardos que conseguirem adquirir o super carro só vão conseguir pôr as mãos no volante em 2022!

Já segue o Aquela Máquina no Instagram?

Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Subscrever Newsletter
pub
×
Enviar artigo por email

Restam 350 caracteres

×
Para poder adicionar esta notícia aos seus favoritos deverá efectuar login. Caso não esteja registado no site de Aquela Máquina, efectue o seu registo gratuito.