Pesquisa
Tome Nota

Primeiro Bentley T-Series volta à sua glória original

16:52 - 14-04-2022
 
Primeiro Bentley T-Series volta à sua glória originalPrimeiro Bentley T-Series volta à sua glória originalPrimeiro Bentley T-Series volta à sua glória originalPrimeiro Bentley T-Series volta à sua glória originalPrimeiro Bentley T-Series volta à sua glória originalPrimeiro Bentley T-Series volta à sua glória originalPrimeiro Bentley T-Series volta à sua glória originalPrimeiro Bentley T-Series volta à sua glória originalPrimeiro Bentley T-Series volta à sua glória originalPrimeiro Bentley T-Series volta à sua glória originalPrimeiro Bentley T-Series volta à sua glória originalPrimeiro Bentley T-Series volta à sua glória original
Primeiro Bentley T-Series volta à sua glória originalPrimeiro Bentley T-Series volta à sua glória originalPrimeiro Bentley T-Series volta à sua glória originalPrimeiro Bentley T-Series volta à sua glória originalPrimeiro Bentley T-Series volta à sua glória originalPrimeiro Bentley T-Series volta à sua glória originalPrimeiro Bentley T-Series volta à sua glória originalPrimeiro Bentley T-Series volta à sua glória originalPrimeiro Bentley T-Series volta à sua glória originalPrimeiro Bentley T-Series volta à sua glória originalPrimeiro Bentley T-Series volta à sua glória originalPrimeiro Bentley T-Series volta à sua glória original

O primeiro exemplar da edição T-Series da Bentley vai voltar à sua glória original após ter sido "esquecido" numa garagem durante demasiado tempo.

A última vez que o V8 de 6.25 litros trabalhou foi há 15 anos mas o motor e a caixa de velocidades mostraram estar em óptimas condições.

O projecto tinha arrancado em 2016 mas foi suspenso devido à introdução da actual linha automóvel da marca e a prioridade dada à sua electrificação

Agora, a berlina vai ser restaurada por completo nos próximos 18 meses, para depois integrar a colecção Heritage da insígnia britânica.

Estreia em monocasco

Este Bentley T-Series, construído em 28 de Setembro de 1965, teve como principal missão ser submetido a diversos testes dinâmicos e de segurança.

Pintado em Shell Grey, com o interior revestido a pele em azul, fez a sua estreia no salão automóvel de Paris uma semana depois.

A principal novidade estava na sua construção: foi o primeiro Bentley construído num monocasco de aço e alumínio.

O chassis tinha subestruturas para montar o motor e a suspensão independente às quatro rodas com controlo automático.

A suspensão é composta por braços duplos e molas helicoidais à frente e braços triangulares atrás.

A pressão para o nivelamento da suspensão provinha do sistema hidráulico de travagem, com discos de travão às quatro rodas.

Motor inédito

Embora mais pequeno do que o S-Series que substituiu, o T-Series era mais espaçoso, principalmente atrás, e tinha um porta-bagagens maior.

A alimentá-lo estava um bloco V8 de 6.25 litros com 228 cv de potência, estreado no modelo anterior. À época, era o motor com a melhor relação peso/potência (1,2 kg por cv) a nível mundial num carro de produção.

Graças à ligeireza dos materiais usados na sua construção, fazia 10,9 segundos dos zero aos 100 km/hora para uma velocidade de ponta de 185 km/hora.

Mesmo assim, o motor não ficou isento de críticas, com os detractores a considerarem-no sobredimensionado para aqueles tempos. Todavia, a sua fiabilidade e potencial de desenvolvimento tornaram-no o principal motor dos modelos da marca de luxo.

Quando em 2019 foi "reformado", contava com o dobro da potência e o triplo do binário originais, e com menos 99% de emissões de dióxido de carbono.

Da primeira geração do Bentley T-Series foram produzidos 1.868 exemplares nas versões de duas e quatro portas, e na variante descapotável.

Em 1977 saiu para a estrada a segunda geração da berlina, terminando a sua produção três anos mais tarde.

Já segue o Aquela Máquina no Instagram?

Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Utils/
Subscrever Newsletter
pub
×
Enviar artigo por email

Restam 350 caracteres

×
Para poder adicionar esta notícia aos seus favoritos deverá efectuar login. Caso não esteja registado no site de Aquela Máquina, efectue o seu registo gratuito.