Pesquisa
Actualidade
Varekai é nome de crossover mas… da Aston Martin ou da Lagonda?!
16:15 - 21-03-2018
  7
Varekai é nome de "crossover" mas… da Aston Martin ou da Lagonda?!Varekai é nome de "crossover" mas… da Aston Martin ou da Lagonda?!Varekai é nome de "crossover" mas… da Aston Martin ou da Lagonda?!Varekai é nome de "crossover" mas… da Aston Martin ou da Lagonda?!Varekai é nome de "crossover" mas… da Aston Martin ou da Lagonda?!Varekai é nome de "crossover" mas… da Aston Martin ou da Lagonda?!Varekai é nome de "crossover" mas… da Aston Martin ou da Lagonda?!Varekai é nome de "crossover" mas… da Aston Martin ou da Lagonda?!Varekai é nome de "crossover" mas… da Aston Martin ou da Lagonda?!Varekai é nome de "crossover" mas… da Aston Martin ou da Lagonda?!
Varekai é nome de "crossover" mas… da Aston Martin ou da Lagonda?!Varekai é nome de "crossover" mas… da Aston Martin ou da Lagonda?!Varekai é nome de "crossover" mas… da Aston Martin ou da Lagonda?!Varekai é nome de "crossover" mas… da Aston Martin ou da Lagonda?!Varekai é nome de "crossover" mas… da Aston Martin ou da Lagonda?!Varekai é nome de "crossover" mas… da Aston Martin ou da Lagonda?!Varekai é nome de "crossover" mas… da Aston Martin ou da Lagonda?!Varekai é nome de "crossover" mas… da Aston Martin ou da Lagonda?!Varekai é nome de "crossover" mas… da Aston Martin ou da Lagonda?!Varekai é nome de "crossover" mas… da Aston Martin ou da Lagonda?!

A empresa Aston Martin vai usar o nome Varekai num futuro "crossover", isso parece ser certo, depois de a companhia britânica ter patenteado o nome para o utilizar num próximo modelo. Até aqui parece haver consenso, a partir daqui… divergência de versões, consoante as revistas britânicas!

A revista "Auto Express" garante que o Varekai será o "crossover" que aparecerá em 2021 sob a marca Lagonda, o emblema de superluxo da Aston Martin, sendo afinal o primeiro modelo do relançamento daquela marca, apesar da grande berlina antecipada pela maqueta mostrada em Genebra. Mas a concorrente "Autocar" tem outra versão, apontando o Varekai como o nome definitivo para o "crossover" que a Aston Martin colocará no mercado já no próximo ano, derivado do protótipo DBX, mostrado no salão de Genebra de 2015. E que a Lagonda terá uma berlina em 2021 e o "crossover" apenas em 2022 como segundo modelo…

Na "versão Lagonda", tratar-se-ia de um "crossover" eléctrico, já que a Aston Martin pretende que aquela seja a primeira marca de luxo totalmente eléctrica. E já com uma larga capacidade de condução autónoma.

Contudo, a versão da "Autocar" parece fazer mais sentido começando até por um detelhe que pode parecer de importância reduzida mas a que as gentes do "marketing" ligam bastante: Varekai é mais um nome começado por "V", como já vai sendo hábito nos Aston Martin mais especiais, como o Vanquish, Vantage e, claro, o hiperdesportivo Valkyrie!

Significando "onde quer que seja" na linguagem romena dos ciganos, Varekai é claramente um bom nome para um "crossover" com pretensões a sair do asfalto para incursões pela Natureza. Os responsáveis da Aston Martin já avisaram, contudo, que não se espere que o seu "crossover" seja igual ao DBX, embora haja algumas pistas do "concept" que se mantenham no produto final.

No entanto, a versão de produção – será o Aston Martin Varekai?... – não só terá quatro portas de cada lado como terá uma linha de tejadilho bastante mais comprida, para ganhar em funcionalidade e habitabilidade traseira. Será também o primeiro Aston Martin com tracção integral, embora não seja ainda certo se todas as versões a terão, ou se poderá haver algumas apenas de tracção traseira.

Certo é que o chassis será feito pela Aston Martin que domina a tecnologia das plataformas em alumínio coladas e aparafusadas, para maior leveza e rigidez. E que recorrerá a alguns componentes e mecânicas da Mercedes, nomeadamente o V8 de origem AMG, com 510 cv. O topo de gama terá, contudo, o V12 "da casa", com 608 cv, que já está no DB11.

Nos planos está também uma versão eléctrica, feita em parceria com a Williams Advanced Engineering e, mais para a frente, uma variante híbrida simples, ou seja, sem capacidade "plug-in". Defende a marca que um estudo de mercado concluiu que os clientes deste nível de luxo acham muito pouco "chique" a experiência de colocar um carro à carga… A Bentley, que acaba de apresentar o "plug-in" Bentayga Hybrid, deve ter outros estudos…

O "crossover" da Aston Martin será construído na nova fábrica que a marca está a terminar de montar nos três enormes hangares da antiga base aérea de St. Athan, no País de Gales, que passará também a ser o centro da firma britânica para a electrificação. O suposto Varekai será lançado em 2019 para, no ano seguinte, aparecer o primeiro desportivo de motor central-traseiro, para um ataque directo à Ferrari! Com um ano de 2017 de lucros chorudos, depois de seis anos de prejuízos, a Aston Martin avança para um futuro risonho.

Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Subscrever Newsletter
pub
×
Enviar artigo por email

Restam 350 caracteres

×
Para poder adicionar esta notícia aos seus favoritos deverá efectuar login. Caso não esteja registado no site de Aquela Máquina, efectue o seu registo gratuito.