Pesquisa
Ensaio
Subimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault Captur
19:04 - 13-01-2020
 
Subimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault Captur
Subimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault CapturSubimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault Captur
Subimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault Captur

Já o tínhamos conduzido na Grécia, em Outubro do ano passado, mas só agora o pudemos testar em estradas nacionais. Fomos até ao cimo da Serra da Estrela ao volante do Renault Captur e contamos-lhe tudo o que precisa de saber, até os preços!

O Renault Captur - em final de vida! - fechou 2019 como o terceiro automóvel mais vendido do ano em Portugal, com 7370 unidades vendidas. Se a isto somarmos os 35 mil exemplares vendidos desde o lançamento deste modelo, em 2013, percebemos que este não só é um dos modelos de sucesso da Renault nos últimos anos como foi, também ele, um modelo fundamental no crescimento da relevância do segmento B-SUV, que já "vale" cerca de 40% do mercado português.

Para esta nova geração do Captur a Renault quer mais do mesmo, que é como quem diz, quer manter a representatividade num segmento que tem cada vez mais concorrentes. Durante a apresentação nacional do modelo, na Serra da Estrela, fizemos mais de 600 quilómetros ao volante do novo Captur e não temos dúvidas em admitir que estará, novamente, a disputar a luta pelo segmento.

Imagem renovada

Para o novo Captur a Renault propõe uma imagem renovada e que vinca, ainda mais, o dinamismo que já caracterizava a anterior geração do modelo. É certo que não houve um corte radical entre a imagem da geração anterior e a da actual, mas houve um reforço daqueles que já eram considerados os pontos mais positivos do Captur.

Mas apesar de não se ter verificado uma revolução visual, é fácil perceber que o SUV da marca francesa evoluiu e que se aproximou do outro "best-seller" da Renault, o Clio, que também foi renovado em 2019. São muitas as semelhanças visuais com o Clio, desde a grelha dianteira às linhas de perfil, passando pela assinatura luminosa em "C", transversal a toda a gama Renault.

As cavas das rodas maiores proporcionam um maior volume - pela primeira vez pode escolher jantes de 18 polegadas - e os novos pára-choques reforçam a presença em estrada. O resultado é uma proposta com carácter desportivo vincado mas que é facilmente reconhecida como um Captur.

Melhor e maior

O novo Captur cresceu 11 cm em comprimento e ganhou 2 cm de distância entre eixos, números que tiveram um impacto muito positivo na habitabilidade deste modelo, bem como na arrumação. A Renault reclama ganhos de espaço ao nível dos joelhos e da cabeça dos passageiros que viajam no banco traseiro, bem como 27 litros de arrumação no habitáculo. Quanto à bagageira, tem um volume de carga fixado nos 536 litros (com os bancos traseiros adiantados), mais 81 litros do que a geração anterior, fazendo desta a maior bagageira do segmento.

Além de mais espaçoso, o interior do Captur também registou uma evolução nos acabamentos e na construção. A melhoria dos materiais a bordo é notória desde o momento em que nos sentamos ao volante, com os plásticos duros a ficarem remetidos em exclusivo para a parte inferior do tablier. Destaque para a consola central flutuante, uma solução que transforma por completo o conceito de "Smart Cockpit" da Renault mas que infelizmente só está disponível nas versões com caixa automática.

A versão que conduzimos estava equipada com o nível de equipamento "Exclusive", pelo que contámos com bancos desportivos com encosto de cabeça integrado, materiais suaves no topo do tablier, na consola e nas portas e claro, com vários pontos de iluminação de ambiente. Abaixo há ainda a versão "Zen", ligeiramente menos equipada, e acima encontramos a topo-de-gama, denominada "Initiale Paris", com um tacto ainda mais "premium".

As versões de entrada contam com um ecrã central multimédia de 7 polegadas, bem como com uma zona de carregamento por indução para smartphones. Porém, saiba que há ainda um ecrã táctil de 9.3 polegadas disponível, o maior de todo o segmento. É aqui que o condutor pode aceder ao sistema Renault Easy link, que contará com mapas de navegação actualizados de forma gratuita durante 3 anos, com as mais recentes soluções multimédia e claro, com suporte dos sistemas Apple CarPlay e Android Auto.

Para fazer equipa com este sistema e com o ecrã central a marca francesa ainda propõe um painel de instrumentos digital que pode assumir dois tamanhos: 7 e 10.2 polegadas.

Personalidade bem vincada

O Captur foi pioneiro na solução de pintura bitonal e esta nova geração promete dar continuidade a isso. A marca gaulesa quer que seja difícil ter dois exemplares iguais e para isso propõe 90 combinações exteriores distintas, entre carroçaria, tejadilho e protecções, e 18 combinações diferentes para o interior.

Subimos a Serra da Estrela ao volante do novo Renault Captur

Motorizações para todos os gostos

A nova geração do Captur assenta na CMF-B que a Renault já tinha mostrado no Clio e isso garantiu a liberdade necessária para a electrificação deste modelo, que em meados deste ano ganhará uma versão híbrida "plug-in" com 50 km de autonomia, fruto de uma bateria com 9.8 kWh. Porém, os responsáveis da Renault Portugal garantem que não vão acabar com nada e que este Captur estará disponível com versões diesel, gasolina e GPL. 

No caso dos motores a gasolina, a oferta começa no 1.0 TCe (também disponível numa versão bi-fuel a GPL) turbo de 3 cilindros com 100 cv de potência e 160 Nm de binário, que poderá ser associado a uma caixa manual de 5 velocidades. A Renault reivindica um consumo médio entre os 6 e os 6,2 l/100 km e uma velocidade máxima de 187 km/h.

O motor 1.3 TCe FAP, desenvolvido em parceria com a Daimler e disponível em modelos como o Mégane, Scénic e Kadjar, continua a ser aposta. Com 130 cv e 240 Nm de binário máximo, pode ser associado a uma caixa manual de 6 velocidades ou a uma caixa EDC de 7 velocidades de dupla embraiagem. Nesta versão os consumos médios oscilam entre os 6,2 e os 6,5 l/100 km.

Este bloco 1.3 TCe FAP também está disponível na versão de 155 cv e 270 Nm, para os condutores que privilegiam o máximo prazer de condução. Nesta versão só pode optar pela caixa EDC de 7 velocidades com comandos por patilhas no volante, solução que "casa" na perfeição com as "performances" anunciadas: 8,6 segundos dos 0 aos 100 km/h e 202 km/h de velocidade máxima.

Para quem procura uma solução Diesel a Renault propõe o motor 1.5 Blue dCi que está disponível em duas versões: 95 cv e 240 Nm e 115 cv e 260 Nm. Disponível com caixa manual de 6 velocidades ou caixa EDC de 7 relações, este motor impressiona pelos consumos: entre 4,7 e 4,9 l/100 km para a versão de 95 cv e entre 4,8 e 5 l/100 km para a versão mais potente.

Mais ajudas à condução

O novo Captur apresenta-se ao serviço com mais auxiliares à condução, dos quais se destacam o sistema de aviso de saída de estacionamento, o sistema de travagem de emergência com reconhecimento de peões e ciclistas e claro, o sistema de assistência à condução em trânsito e auto-estrada. 

Sensações ao volante

Conduzimos o Captur com o bloco a gasolina 1.3 TCe FAP de 130 cv, equipado com uma caixa manual de 6 velocidades, e ficámos impressionado com as qualidades de "estradista" deste modelo. Como referi acima, já tinha tido um contacto com este modelo em Outubro do ano passado, mas a experiência por estradas nacionais foi bastante mais intensiva e… conclusiva. 

Este motor tem somado elogios atrás de elogios e voltou a impressionar-nos neste Captur. Com 130 cv de potência e 240 Nm de binário máximo, tem genica para atacar estradas mais rápidas, acelerando dos 0 aos 100 km/h em 9,6 segundos, mas revela-se muito suave e confortável em auto-estrada.

Já o tínhamos escrito antes e voltamos a dizê-lo: esta é a versão mais equilibrada do Captur e, por isso, a mais indicada à realidade do mercado nacional. Este bloco é muito elástico e revela sempre muita força disponível a baixos regimes. Nestes dois dias, e sem nenhum cuidado a esse nível, conseguimos registar médias de consumo a rondar os 7l/100 km.

Além do impacto positivo na habitabilidade, o aumento de comprimento também se fez sentir na estabilidade deste Captur e isso nota-se em estrada. Voltámos a notar a afinação da suspensão mais dura do que a do rival Juke, da Nissan, mas ainda assim podemos dizer-lhe que a Renault conseguiu um compromisso interessante entre conforto e dinamismo.

É certo que este Captur não é - nem quer ser! - um desportista, mas se adoptar um registo de condução mais rápido terá uma resposta afirmativa por parte do motor e da caixa velocidades, sempre disponíveis para andamentos mais elevados. Porém, é notória alguma transferência de massas e rolamento da carroçaria em curva, algo perfeitamente natural num automóvel com este "corpo".

Apenas duas críticas a apontar: a primeira prende-se com a posição da alavanca das mudanças, que na minha opinião surge demasiado elevada. A segunda está relacionada com os ruídos de vento no habitáculo, demasiado notórios em auto-estrada, sobretudo na dianteira. Ainda assim, é justo dizer que não chegam vibrações ou ruídos parasitas do motor ao habitáculo.

Conclusão: vale a pena?

Maior, melhor e mais conectado. O Captur registou uma evolução considerável em todos os campos e voltou a impressionar-nos em estrada. As qualidades de "estradista" são óbvias, tais como o aumento de volume da bagageira e das quotas de habitabilidade do interior. Não temos dúvidas em admitir que estará, novamente, a disputar a luta pelo segmento.

Quando chega?

A estreia no mercado nacional está marcada para o próximo dia 18 de Janeiro, com preços a começar nos 19.990 euros.

A marca gaulesa vai assinalar o arranque da comercialização com uma série limitada a 50 unidades, todas numeradas, designada por Captur Edition One. Estes exemplares têm a versão Exclusive como ponto de partida e só estão disponíveis com o motor a gasolina TCe 100. Os preço desta versão está fixado nos 19.200 euros.

Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Subscrever Newsletter
pub
×
Enviar artigo por email

Restam 350 caracteres

×
Para poder adicionar esta notícia aos seus favoritos deverá efectuar login. Caso não esteja registado no site de Aquela Máquina, efectue o seu registo gratuito.