Pesquisa
Lewis Hamilton aos ''saltos'' ao volante do Ineos Grenadier

A Ineos pôs nas mãos de Lewis Hamilton o novíssimo Grenadier ou não fosse a empresa uma das patrocinadoras da Mercedes-AMG Petronas.

Encantado por assumir o volante do "todo o terreno" que honra o passado do antigo Land Rover Defender, o heptacampeão de Fórmula 1 não se sai nada mal ao lado de Jim Ratcliffe, dono do grupo empresarial.

"Estou a gostar muito de conduzir este carro", destacou o piloto britânico ao valorizar o conforto a bordo em qualquer tipo de piso. "Estou extremamente surpreendido com o seu comportamento".

O Ineos Grenadier incorpora tudo o que havia de melhor no ‘fora de estrada’ de outras eras "velho mundo", e tenta levá-lo até aos seus limites.

Um motor de combustão, uma caixa automática ZF de oito relações e uma tracção permanente (bem musculada) às quatro rodas é tudo quanto é preciso.

A parte mecânica é da responsabilidade da BMW: um motor diesel biturbo de 3.0 litros e seis cilindros, e um bloco turbo a gasolina com a mesma cilindrada.

O primeiro debita uma potência de 249 cv e um binário de 550 Nm, enquanto o segundo oferece 286 cv e 450 Nm.

Proposto em três configurações no nosso país – Utility Wagon de dois e cinco lugares, e Station Wagon de cinco lugares –, a entrada na gama faz-se a partir dos 61.990 euros.

Todas as versões podem ser personalizadas com uma ampla gama de opções e acessórios, adaptados aos fins a que se destina o veículo.

Já segue o Aquela Máquina no Instagram?

Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Utils/
Subscrever Newsletter
pub
×
Enviar artigo por email

Restam 350 caracteres

×
Para poder adicionar esta notícia aos seus favoritos deverá efectuar login. Caso não esteja registado no site de Aquela Máquina, efectue o seu registo gratuito.