Pesquisa
C4 X alarga família Citroën; para Portugal só 100% eléctrico

Está completa a oferta automóvel da Citroën com o C4 X a preencher o espaço deixado livre entre o C4 e o recente C5 X.

E, embora seja proposto com motorizações a gasolina e diesel, no nosso país será vendida apenas a versão ë-C4 X totalmente eléctrica do novo SUV coupé.

Espírito fastback

A Citroën deu esta quarta-feira mais um passo largo na electrificação da sua gama automóvel com o novíssimo C4 X, um SUV coupé com uma estética bem conseguida.

A situar-se entre os actuais C4 e C5 X, os 4,60 metros de comprimento deste familiar servem de meio-termo entre os 4,36 metros do primeiro e os 4,80 metros do segundo.

A nova proposta, construída sobre a mesma plataforma CMP em que é montado o C4, oferece uma distância de 2,67 metros entre os dois eixos, e um centro de gravidade mais baixo face a um SUV convencional.

A altura total de 1,53 metros e a distância ao solo, de apenas 15,6 centímetros, reforçam o coeficiente aerodinâmico, com o valor a atingir os Cx 0,29.

A estética releva de imediato o visual da actual gama da marca gaulesa, com os chevrons duplos a ocuparem o centro superior da grelha dianteira e a estenderem-se pelas laterais a ligarem os faróis e as luzes diurnas.

Visto de perfil, a linha dinâmica do tejadilho prolonga-se desde o topo do pára-brisas até ao painel superior da bagageira, com 510 litros de capacidade, criando uma silhueta de fastback.

A porta traseira incorpora um spoiler discreto enquanto os farolins LED em forma de flecha se estendem a toda a largura.

Interior igual ao C4

Seguindo a filosofia estética exterior do Citroën C4, o interior do C4 X também não difere muito do seu "irmão" a não ser no espaço, principalmente para os ocupantes dos bancos traseiros.

Novidade mesmo é que, nos assentos Advanced Comfort, eles podem ser inclinados até 27 graus, para suportar passageiros mais altos, embora o espaço para as pernas não difira do C4.

Sobre o tabliê encontra-se o mesmo ecrã táctil de infoentretenimento, que é de dez polegadas nos níveis de acabamento superiores.

O sistema MyCitroën Drive Plus que o equipa, semelhante ao do C5 X, pode ser comandado com ordens vocais, e inclui um serviço de actualização gratuito dos mapas TomTom de forma remota durante três anos.

Quanto à segurança activa e apoio à condução, pode equipar até 20 sistemas avançados, com especial destaque para o controlo da velocidade de cruzeiro adaptativo e o alerta de saída involuntária de faixa.

A ambos somam-se ainda o visor head-up a cores no pára-brisas e as câmaras de visão traseira ou a 360 graus.

Só eléctrico para Portugal

Embora a gama de motorizações do Citroën C4 X inclua blocos térmicos a gasolina e gasóleo, para o nosso país está apenas previsto a variante totalmente eléctrica.

Baptizada como ë-C4 X, é em tudo equivalente ao crossover com que partilha a plataforma CMP: o motor eléctrico tem uma potência de 100 kW (136 cv) e um binário de 260 Nm.

A velocidade máxima está limitada a 150 km/hora, com os zero a 100 km/hora a cumprirem-se em 9,5 segundos no modo Sport, a que se somam as selecções Eco e Normal.

A bateria de 50 kWh, com tecnologia de 400 volt, oferece uma autonomia até 360 quilómetros, com a garantia de oito anos ou 160 mil quilómetros a assegurar mais de 70% da sua capacidade de carga.

O carregamento de 80% da bateria a 100 kW em corrente contínua faz-se em cerca de 30 minutos, ou em cinco horas em corrente alternada com alimentação trifásica e um carregador (opcional) de 11 kW a bordo.

Para outros mercados, a linha de motorizações é a mesma que o Citroën C4 oferece, incluindo a proposta 100% electrificada.

É composta pelos blocos a gasolina 1.2 PureTech de 100 e 130 cv, com o primeiro a dispor de uma caixa manual de seis velocidades e o segundo uma transmissão automática EAT8 de oito relações.

A linha é completada pelo motor diesel 1.5 BlueHDi de 130 cv, também ele com uma caixa automática EAT8 de oito velocidades.

Por saber fica a data em que o Citroën ë-C4 X chega aos concessionários nacionais, assim como os níveis de equipamento e os respectivos preços de venda.

Já segue o Aquela Máquina no Instagram?

Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Utils/
Subscrever Newsletter
pub
×
Enviar artigo por email

Restam 350 caracteres

×
Para poder adicionar esta notícia aos seus favoritos deverá efectuar login. Caso não esteja registado no site de Aquela Máquina, efectue o seu registo gratuito.