Pesquisa
Tome Nota
Rotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicos
13:02 - 02-04-2019
 
Rotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicos
Rotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicosRotary aos Templários celebrou paixão pelos automóveis clássicos

Os Rotary Clube Lisboa-Olivais e Cascais-Estoril, com a colaboração do Clube Português de Automóveis Antigos, realizaram um passeio de automóveis clássicos no último fim-de-semana que começou nos Jardins do Casino Estoril e acabou na cidade Templária de Tomar.

O evento, que serviu para promover o movimento Rotário e celebrar a paixão pelos automóveis clássicos, prolongou-se durante dois dias. No primeiro, dia 30 de Março, a "caravana" saiu dos Jardins do Casino Estoril e percorreu mais de 150 quilómetros até Tomar. No segundo, 31 de Março, realizou-se uma demonstração na Alameda Um de Março em Tomar seguida da exposição de todos os automóveis na Praça da República.

A lista de participantes contou com 52 automóveis muito distintos que foram construídos entre 1928 e 2004. O primeiro automóvel a sair, por ser o mais antigo, foi um Dodge Victory Six de 1928, mas destacamos um Rolls-Royce de 1937, um Ford Mustang de 1965 e um Ford Model A de 1930.

O título de automóvel mais potente do grupo pertenceu ao Jaguar E-Type 4.2 de João Almeida, mas houve vários outros modelos que não passaram despercebidos, tais como um raríssimo Jaguar XK150 de José Augusto Rodrigues, um Autobianchi Bianchina e um Ferrari Dino 246 GT de 1971, o único "Cavallino Rampante" presente.

Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Subscrever Newsletter
pub
×
Enviar artigo por email

Restam 350 caracteres

×
Para poder adicionar esta notícia aos seus favoritos deverá efectuar login. Caso não esteja registado no site de Aquela Máquina, efectue o seu registo gratuito.