Pesquisa
Tome Nota

Ford Ranger Raptor também sabe voar

20:43 - 10-03-2022
 
Ford Ranger Raptor também sabe voarFord Ranger Raptor também sabe voarFord Ranger Raptor também sabe voarFord Ranger Raptor também sabe voarFord Ranger Raptor também sabe voar
Ford Ranger Raptor também sabe voarFord Ranger Raptor também sabe voarFord Ranger Raptor também sabe voarFord Ranger Raptor também sabe voarFord Ranger Raptor também sabe voar
Ford Ranger Raptor também sabe voar
 Ford Ranger Raptor também sabe voar

A Ford promete não deixar ninguém indiferente às capacidades da nova Ranger Raptor… nem que seja preciso atirá-la de um avião em voo!

Ford Ranger Raptor também sabe voar

A acompanhar o lançamento na Europa, a pick-up é protagonista de uma curta-metragem que quase pode ser confundida com um filme de acção de Hollywood. 

Saltar de um avião de carga e passar por baixo dele, acelerar em terrenos de lama e água... tudo num cenário de um aeródromo.

O novo vídeo mantém-se fiel ao conceito do projecto The Good, The Bad and The Bad-R-S-E, realizado pela Ford em jeito de homenagem aos westerns

Nem foram esquecidas manobras do tipo powerslide, e nuvens de poeira como no filme original de apresentação da Ranger Raptor. 

As filmagens da produção foram antecedidas por três meses de planeamento, e envolveram uma equipa de 38 elementos. 

Durante três dias, ficou encerrada num aeródromo fechado ao público onde, em tempos, foram construídos e testados jactos militares.

Ford Ranger Raptor também sabe voar

Os saltos e as derrapagens foram concebidos e realizados por Paul Swift, duplo de referência mundial em condução de alta precisão. 

Atrás das câmaras esteve o realizador Nick Piper, que já trabalhou com artistas como Madonna e Lenny Kravitz, para mostrar a ferocidade da nova Ranger Raptor. 

O guião do filme exigia que uma tripulação de oito pessoas voasse pela pista de 1.800 metros a 200 km/hora. 

Era a velocidade necessária para que as câmaras pudessem mostrar a emocionante fuga da pick-up do porão de carga, ao libertar-se de uma rede de aço com 22 metros. 

As sequências dinâmicas foram captadas por uma equipa de filmagem que usou drones, buggies eléctricos especiais e um carro-câmara do tipo Robot Arm

Este sistema recorre a uma grua robótica montada no tejadilho com uma câmara acoplada, para conseguir imagens de carro para carro, em grandes planos. 

Desde que foi publicado no canal Youtube da Ford Europa, o filme Nova Geração Ford Ranger Raptor Autorizada para Aterrar na Europa já teve quase 190 mil visualizações. 

Já segue o Aquela Máquina no Instagram?

Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Utils/
Subscrever Newsletter
pub
×
Enviar artigo por email

Restam 350 caracteres

×
Para poder adicionar esta notícia aos seus favoritos deverá efectuar login. Caso não esteja registado no site de Aquela Máquina, efectue o seu registo gratuito.