Pesquisa
Tome Nota
EMEL rescinde contrato com a Órbita para a rede de bicicletas partilhada "Gira"
17:02 - 10-04-2019
 
EMEL rescinde contrato com a Órbita para a rede de bicicletas partilhada "Gira"

A EMEL rescindiu esta quarta-feira o contrato com a Órbita, fornecedora de bicicletas para a Gira, rede de bicicletas partilhadas, eléctricas e convencionais, indicou a empresa municipal em comunicado.

A EMEL invoca os sucessivos incumprimentos por parte da fornecedora e anuncia o lançamento de um novo concurso para a expansão, operação e manutenção da rede Gira.

Segundo a empresa municipal, o primeiro incumprimento ocorreu em dezembro de 2017, três meses após o final da fase piloto. Na altura, das 43 estações contratadas apenas 34 estavam em funcionamento e das 409 bicicletas previstas, 273 das quais eléctricas, estavam disponíveis apenas 296, sendo 191 elétricas e 105 convencionais.

A EMEL assinala que, desde Maio do ano passado, "as falhas da Órbita foram-se somando, tendo nos últimos oito meses a empresa revelado total incapacidade para prestar o serviço contratualizado".

Leia a notícia na íntegra no "Negócios"

Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Subscrever Newsletter
pub
×
Enviar artigo por email

Restam 350 caracteres

×
Para poder adicionar esta notícia aos seus favoritos deverá efectuar login. Caso não esteja registado no site de Aquela Máquina, efectue o seu registo gratuito.