Pesquisa
Tome Nota

Baterias Honda ganham “segunda vida” com programa de recolha e reciclagem

13:41 - 17-04-2020
 
Baterias Honda ganham “segunda vida” com programa de recolha e reciclagem

A Honda Motor Europe está a expandir a sua parceria de reciclagem de baterias com a SNAM (Société Nouvelle d’Affinage des Métaux), de forma a que as baterias dos veículos híbridos e eléctricos Honda possam ser recolhidas e recicladas, ganhando assim uma "segunda vida" para armazenar energia renovável ou, caso não sejam adequadas para este fim, extrair componentes de valor para reciclagem. 

Todas as baterias são analisadas assim que chegam às mãos da SNAM. Quando as células das baterias estão danificadas e inadequadas para uma "segunda vida", materiais como o cobalto e o lítio podem ser extraídos e reutilizados na produção de novas baterias, pigmentos coloridos ou como aditivos úteis para argamassa. Por outro lado, materiais como o cobre, metal ou plástico são reciclados e oferecidos de volta ao mercado para serem novamente usados.

A Honda e a SNAM colaboram desde 2013 para garantir a rastreabilidade de baterias em final de vida útil e eliminá-las de acordo com os padrões ambientais da União Europeia. A expansão deste acordo fará com que a SNAM recolha baterias de iões de lítio e de hidrato metálico de níquel da rede de concessionários Honda e oficinas autorizadas em 22 países.

"À medida que a procura pela gama de veículos híbridos e elétricos da Honda continua a crescer, aumenta também o requisito de desenvolver baterias da forma mais ecológica possível. Os recentes desenvolvimentos de mercado podem permitir que estas baterias tenham utilidade numa segunda vida, como alimentar empresas ou recuperar componentes úteis, através do uso de técnicas recentes de reciclagem, que podem ser utilizadas como matérias-primas na produção de novas baterias.", afirmou Tom Gardner, Senior Vice President da Honda Motor Europe. 

Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Utils/
Subscrever Newsletter
pub
×
Enviar artigo por email

Restam 350 caracteres

×
Para poder adicionar esta notícia aos seus favoritos deverá efectuar login. Caso não esteja registado no site de Aquela Máquina, efectue o seu registo gratuito.