Pesquisa
Tome Nota

Alonso vai ficar com o carro da Indy 500

17:32 - 12-05-2017
 
Alonso vai ficar com o carro da Indy 500Alonso vai ficar com o carro da Indy 500Alonso vai ficar com o carro da Indy 500Alonso vai ficar com o carro da Indy 500Alonso vai ficar com o carro da Indy 500Alonso vai ficar com o carro da Indy 500Alonso vai ficar com o carro da Indy 500Alonso vai ficar com o carro da Indy 500Alonso vai ficar com o carro da Indy 500Alonso vai ficar com o carro da Indy 500Alonso vai ficar com o carro da Indy 500Alonso vai ficar com o carro da Indy 500Alonso vai ficar com o carro da Indy 500Alonso vai ficar com o carro da Indy 500Alonso vai ficar com o carro da Indy 500Alonso vai ficar com o carro da Indy 500
Alonso vai ficar com o carro da Indy 500Alonso vai ficar com o carro da Indy 500Alonso vai ficar com o carro da Indy 500Alonso vai ficar com o carro da Indy 500Alonso vai ficar com o carro da Indy 500Alonso vai ficar com o carro da Indy 500Alonso vai ficar com o carro da Indy 500Alonso vai ficar com o carro da Indy 500Alonso vai ficar com o carro da Indy 500Alonso vai ficar com o carro da Indy 500Alonso vai ficar com o carro da Indy 500Alonso vai ficar com o carro da Indy 500Alonso vai ficar com o carro da Indy 500Alonso vai ficar com o carro da Indy 500Alonso vai ficar com o carro da Indy 500Alonso vai ficar com o carro da Indy 500
O piloto espanhol da McLaren, que no próximo dia 28 de Maio vai correr em Indianápolis com um monolugar McLaren/Andretti Dallara – Honda vai poder ficar com este carro no final da corrida.

Alonso, que por culpa desta estreia na Indy vai perder o G.P. do Mónaco em Fórmula 1, não só confirmou que este monolugar terá um lugar no seu museu nas Astúrias, em Espanha, como esclareceu que é uma prática comum desde 2004.

"Depois da corrida, ele vem para cá. Ele vai estar no museu também"
, afirmou Alonso antes do G.P da Catalunha. "Todos os carros em que entrei desde 2004 ou algo do género, está sempre no meu contrato que vai estar mais tarde no meu museu, e com este não será diferente", acrescentou.

O piloto da McLaren, que se estreou nos testes em Indianápolis na semana passada, admitiu que precisou de algum tempo para se adaptar ao Dallara e à sua configuração assimétrica, por culpa do traçado oval.

"O carro parece algo diferente. Correr com estas afinações assimétricas definitivamente não transmite uma sensação de normalidade", afirmou. "Tens que ir alterando a tua mentalidade à medida que corres. Mas no final do dia já me estava a sentir mais confortável", acrescentou.

"Na próxima semana, quando os treinos começarem e estiver a correr com mais pessoas em pista, finalmente espero ganhar mais confiança e perceber o que o carro e eu precisamos para estar preparados para o dia 28 de Maio", adiantou. "Temos duas semanas intensas pela frente, mas mal posso esperar!", concluiu.
Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Utils/
Subscrever Newsletter
pub
×
Enviar artigo por email

Restam 350 caracteres

×
Para poder adicionar esta notícia aos seus favoritos deverá efectuar login. Caso não esteja registado no site de Aquela Máquina, efectue o seu registo gratuito.