Pesquisa
Tome Nota
ACAP denuncia: parque automóvel está cada vez mais velho
15:02 - 12-02-2020
 
ACAP denuncia: parque automóvel está cada vez mais velho

São cerca de um milhão os veículos com mais de 20 anos a circular nas estradas portuguesas. O aviso veio, esta terça-feira, da parte da ACAPAssociação Automóvel de Portugal pela voz do secretário-geral Hélder Pedro.

No balanço feito ao mercado automóvel nacional, onde as vendas de veículos ligeiros de passageiros caíram 2% em 2019, para as 224 mil unidades, comparativamente ao ano anterior, a ACAP alerta para o envelhecimento acentuado do parque circulante.

Em média, as viaturas ligeiras que circularam o ano passado nas estradas nacionais tinham, em média, uma idade de 12,7 anos, sendo próximo dos 15 anos nos pesados de passageiros.

Mais grave é o facto de existirem ainda perto de um milhão de viaturas matriculadas antes da viragem para o novo milénio. A ACAP defende, por isso, que seja de novo introduzido um incentivo ao abate de veículos antigos.

Em termos estatísticos, de acordo com Hélder Pedro, será preciso abater 330 mil viaturas para que diminua em um ano o parque automóvel.

A associação propõe igualmente que o Governo crie um grupo de trabalho de fiscalidade, tendo em conta o quadro de evolução para a descarbonização do nosso país, "no qual a indústria automóvel está empenhada".

O problema não será de fácil resolução, já que os veículos usados importados em 2019 dos Estados-membros da União Europeia têm uma idade média de 5,5 anos.

Os números de importação voltaram a subir, atingindo no ano passado cerca de 80 mil unidades, estando a cilindrada média em redor dos 1.613 centímetros cúbicos.

Já segue o Aquela Máquina no Instagram?

Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Subscrever Newsletter
pub
×
Enviar artigo por email

Restam 350 caracteres

×
Para poder adicionar esta notícia aos seus favoritos deverá efectuar login. Caso não esteja registado no site de Aquela Máquina, efectue o seu registo gratuito.