Pesquisa
Super Carros

Emira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificação

18:32 - 07-07-2021
 
Emira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificação
Emira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificaçãoEmira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificação
Emira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificação
Emira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificação

A Lotus despede-se dos motores térmicos com um novo roadster, antes de abraçar em definitivo o mundo da electrificação.

Emira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificação

Inspirado directamente no Evija, o novo Emira é a "resposta" do construtor britânico a desportivos como o Alpine A110 ou mesmo o Porsche Cayman. 

Apresentado na terça-feira, tem a alimentá-lo dois motores, com o primeiro a consistir num bloco turbo de 2.0 litros da Mercedes-AMG com 360 cv. 

Os 400 cv do segundo são debitados por um V6 turbo-alimentado de 3.5 litros da Toyota, já conhecido nos Exige e Evora. 

Atraente é o preço a que será proposto, pelo menos no Reino Unido, com a entrada na gama a fazer-se em redor das 60 mil libras (abaixo de 72 mil euros). 

Estética de muito bom gosto 

É difícil ficar indiferente às linhas do Lotus Emira, que lhe conferem um carácter com mais pretensões do que realmente possui.

Construído sobre uma nova versão do chassis em liga de alumínio estreado com o Elise, mede 4.412 mm de comprimento por 1.895 mm de largura e 1.225 de altura. 

É apenas 20 mm mais comprido do que o Evora que agora substitui, mantendo os mesmos 2.575 mm de distância entre eixos.

Visto de frente, destacam-se as duas entradas de ar sobre o capô, e outras duas laterais para arrefecer o motor central traseiro. 

O enorme difusor traseiro e os dois tubos de escape rematam uma postura agressiva que em estrada não deixará de impressionar. 

O conjunto é apoiado em jantes de liga leve de 20 polegadas, "calçadas" com pneus Goodyear Eagle F1 Supersport. Para acelerar em pista, há sempre a opção de substitui-los por um jogo Michelin Pilot Sport Cup 2. 

De fora ficaram quaisquer elementos aerodinâmicos activos, justificados pelos seus criadores pelo bom equilíbrio da força descendente sobre os dois eixos. 

Em conta tiveram igualmente a distribuição dos 1.400 quilos que pesa o desportivo, e a geometria da suspensão.

 

Ambiente interior marcante 

O interior reflecte a emoção que se deverá ter a acelerar ao volante do Lotus Emira… e não é porque tenha um desenho radical. 

A qualidade foi elevada a outro nível, patente no ecrã multimédia de 10,25 polegadas, e no painel de instrumentos de 12,3 polegadas. 

A tapar o visor da instrumentação está um volante multi-funções hexagonal que dá mesmo vontade de sentir nas mãos. Os bancos eléctricos são reguláveis em quatro níveis, embora haja uma opção para 12 posições. 

A somar a estas "inovações" está o passo dado em frente pela insígnia britânica no que à qualidade dos materiais e de acabamentos diz respeito.

O Lotus Emira irá contar de série com controlo de velocidade adaptável, sensores de chuva, alerta de fadiga do condutor, e leitor de sinais de trânsito. 

Terá ainda sensores de estacionamento, aviso de tráfego cruzado traseiro, alerta de mudança involuntária de faixa, e sistema de localização. 

Quem compra um desportivo com estas características não está muito preocupado com o espaço disponível para bagagem. 

Mesmo assim, a bagageira consegue oferecer 151 litros de capacidade,a que se somam mais 208 litros no espaço atrás dos bancos, espaço nas portas para garrafas de meio litro.

Motores Toyota e AMG 

O Lotus Emira será proposto com dois motores, como já tinha sido avançado, com o topo de gama a ser alimentado por um V6 de 3.5 litros da Toyota. À escolha do condutor estará uma transmissão automática ou manual de seis velocidades. 

Os 400 cv e 430 Nm deverão dispará-lo em menos de 4,5 segundos dos zero aos 100 km/hora para uma velocidade máxima de 290 km/hora. 

As primeiras entregas estão previstas para a Primavera do próximo ano, seguindo-se no Verão a variante menos potente. 

Serão 360 cv de potência debitados por um bloco turbo de 2.0 litros e quatro cilindros da Mercedes-AMG, com uma afinação específica por parte da Lotus. 

A marca não avançou números para o desempenho, que terá uma transmissão automática DCT de dupla embraiagem com oito relações.

Emira: o derradeiro Lotus térmico antes da electrificação

 

Propostas serão duas configurações de chassis e de suspensão, com a opção Tour dirigida a um comportamento mais adequado para a condução diária. 

Para quem quiser sentir as emoções em pista, é avançado o Lotus Driver’s Pack, com uma suspensão mais rígida e desportiva. 

Entretanto, para quem quiser saber o que vale em estrada, o Lotus Emira irá disputar as atenções com o hiper eléctrico Evija no Festival de Velocidade de Goodwood que arranca esta quinta-feira e termina no domingo. 

Já segue o Aquela Máquina no Instagram?

Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Utils/
Subscrever Newsletter
pub
×
Enviar artigo por email

Restam 350 caracteres

×
Para poder adicionar esta notícia aos seus favoritos deverá efectuar login. Caso não esteja registado no site de Aquela Máquina, efectue o seu registo gratuito.