Pesquisa
Salões
Carrinha Tesla Model S vai estrear-se em Maio, no Salão de Londres
11:53 - 30-01-2018
  119
Carrinha Tesla Model S vai estrear-se em Maio, no Salão de LondresCarrinha Tesla Model S vai estrear-se em Maio, no Salão de LondresCarrinha Tesla Model S vai estrear-se em Maio, no Salão de LondresCarrinha Tesla Model S vai estrear-se em Maio, no Salão de LondresCarrinha Tesla Model S vai estrear-se em Maio, no Salão de LondresCarrinha Tesla Model S vai estrear-se em Maio, no Salão de LondresCarrinha Tesla Model S vai estrear-se em Maio, no Salão de LondresCarrinha Tesla Model S vai estrear-se em Maio, no Salão de LondresCarrinha Tesla Model S vai estrear-se em Maio, no Salão de LondresCarrinha Tesla Model S vai estrear-se em Maio, no Salão de LondresCarrinha Tesla Model S vai estrear-se em Maio, no Salão de LondresCarrinha Tesla Model S vai estrear-se em Maio, no Salão de Londres
Carrinha Tesla Model S vai estrear-se em Maio, no Salão de LondresCarrinha Tesla Model S vai estrear-se em Maio, no Salão de LondresCarrinha Tesla Model S vai estrear-se em Maio, no Salão de LondresCarrinha Tesla Model S vai estrear-se em Maio, no Salão de LondresCarrinha Tesla Model S vai estrear-se em Maio, no Salão de LondresCarrinha Tesla Model S vai estrear-se em Maio, no Salão de LondresCarrinha Tesla Model S vai estrear-se em Maio, no Salão de LondresCarrinha Tesla Model S vai estrear-se em Maio, no Salão de LondresCarrinha Tesla Model S vai estrear-se em Maio, no Salão de LondresCarrinha Tesla Model S vai estrear-se em Maio, no Salão de LondresCarrinha Tesla Model S vai estrear-se em Maio, no Salão de LondresCarrinha Tesla Model S vai estrear-se em Maio, no Salão de Londres

Lembra-se quando aqui há uns meses lhe dissemos que o Tesla Model S ia ter uma versão carrinha? Pois bem, está quase pronta e será uma das "estrelas" do próximo Salão Automóvel de Londres, que se realiza entre os próximos dias 17 e 20 de Maio.

Baseado num Tesla Model S 90D, esta "shoothing brake" foi construída pela QWest – especialista em carroçarias – mas imaginada por Phil Hayton, que fez fortuna a construir sinais que alertam para a presença de radares e que queria transportar os seus cães no seu Tesla.

E a ideia foi tão bem recebida por esta pequena empresa inglesa (formada por antigos engenheiros que passaram por marcas como a McLaren, Lotus ou Jaguar) que o objectivo é construir (e vender) 25 unidades!

A operação é, no plano teórico, bastante simples, já que basta cortar a secção posterior e substitui-la por uma maior. Mas a verdade é que uma operação deste género coloca em causa toda a rigidez estrutural do veículo, pelo que tem de ser realizada com o máximo de precisão.

Para isso a QWest optou por fazer a secção traseira com um compósito bastante leve e que até permite que o peso final seja inferior à versão berlina, mais concretamente 12 quilos! Pode parecer estranho, mas não fica por aqui, é que os responsáveis por esta transformação submeteram um modelo à escala a um teste no túnel de vento e concluíram que além do peso também a aerodinâmica desta "shooting brake" supera o Model S "convencional".

Porém, e até a ver em acção, temos que tratar estas informações com "pinças", ainda que os especialistas da QWest afirmem de forma peremptória que as "performances" desta carrinha estarão ao nível das do Model S "normal". Isto é, será capaz de acelerar dos 0 aos 96 km/h em apenas 2,8 segundos.

Não sabemos se Elon Musk, o fundador da marca com sede na Califórnia, algum dia vai aprovar esta versão mas estamos certos que a QWest vai encontrar rapidamente 25 interessados para "esgotar" a produção que está prevista.

Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Subscrever Newsletter
pub
×
Enviar artigo por email

Restam 350 caracteres

×
Para poder adicionar esta notícia aos seus favoritos deverá efectuar login. Caso não esteja registado no site de Aquela Máquina, efectue o seu registo gratuito.