Pesquisa
Novos Modelos
Hyundai Ioniq chega em Outubro
15:30 - 14-07-2016
  5
Hyundai Ioniq chega em OutubroHyundai Ioniq chega em OutubroHyundai Ioniq chega em OutubroHyundai Ioniq chega em OutubroHyundai Ioniq chega em OutubroHyundai Ioniq chega em OutubroHyundai Ioniq chega em Outubro
Hyundai Ioniq chega em OutubroHyundai Ioniq chega em OutubroHyundai Ioniq chega em OutubroHyundai Ioniq chega em OutubroHyundai Ioniq chega em OutubroHyundai Ioniq chega em OutubroHyundai Ioniq chega em Outubro
O Grupo Hyundai aposta forte na mobilidade eléctrica e, se o novo Kia Niro aponta alguns caminhos, o Hyundai Ionic é a afirmação de uma aposta, que passou pelo desenvolvimento de uma plataforma específica destinada a acolher as baterias de iões de lítio, que estão associadas às versões híbridas e às cem por cento eléctricas. Os sul-coreanos anunciaram o lançamento de 22 propostas das suas duas marcas até 2020.

O novo Ioniq é um concorrente directo do Toyota Prius. Tem uma carroçaria de cinco portas, com um aspecto menos radical do que o modelo japonês, apesar de ser vanguardista no campo da eficácia aerodinâmica, o que paga dividendos ao nível da redução de consumo e melhora das performances.

Com 4,47 metros de comprimento é ligeiramente mais curto do que o seu rival japonês, mas tem a mesma distância entre-eixos, o que equivale a dizer que não há grandes diferenças ao nível do espaço interior. Em termos de design o Hyundai é mais conservador do que o Toyota, assumindo um estilo que está próximo dos últimos modelos sul-coreanos.

Em Outubro vai surgir no mercado a primeira das três opções da gama Ioniq, um híbrido com um motor eléctrico alimentado pelas baterias de lítico carregadas com a reciclagem da energia das desacelerações e das travagens, associado a um motor 1.6 a gasolina com 105 cv de potência. Em conjunto debitam 141 cv de potência. A caixa automática de seis velocidades com dupla embraiagem é uma vantagem face à caixa de variação contínua que continua a ser utilizada no Prius.

A proposta será dilatada com um híbrido "Plug-in" que poderá estar disponível no início de 2017, e mais tarde surge uma versão cem por cento eléctrica sobre a qual ainda não há informações relevantes no campo da autonomia e tempo de carga das baterias.

Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Subscrever Newsletter
pub
×
Enviar artigo por email

Restam 350 caracteres

×
Para poder adicionar esta notícia aos seus favoritos deverá efectuar login. Caso não esteja registado no site de Aquela Máquina, efectue o seu registo gratuito.