Pesquisa
Novos Modelos

Renault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologia

14:40 - 08-03-2022
 
Renault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologia
Renault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologiaRenault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologia
Renault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologia

Depois de reveladas várias fotografias em modo camuflado, eis que surge, por fim, o Renault Austral em todo o seu esplendor.

Renault Austral substitui Kadjar: visual apurado e mais tecnologia

Com este SUV inédito, que substitui o Kadjar, a marca do losango quer recuperar o protagonismo num segmento marcado por uma feroz concorrência. 

Não será por isso uma surpresa que o modelo terá um acabamento especial Esprit Alpine, que se distingue pela pintura em cinza fosco, a contrastar com o tejadilho em preto. 

Repleto de equipamentos de última geração, apresenta-se como uma montra tecnológica do que a insígnia gaulesa é capaz de produzir. 

Estética clássica 

Montado sobre a plataforma CMF-CD, comum às marcas do grupo Alliance, o Renault Austral revelado esta terça-feira adopta os códigos linguísticos introduzidos pelo Mégane E-Tech Electric. 

Mesmo assim, a estética é bem mais clássica e sóbria, mesmo que a traseira seja marcada por uma assinatura luminosa muito trabalhada que quase preenche a porta da bagageira. 

Marcantes são as protecções em redor da carroçaria e dos arcos das rodas, que podem chegar às 20 polegadas, e o capô cheio de nervuras a dar-lhe um visual mais robusto. 

O Austral distingue-se ainda pela ampla grelha frontal, com uma linha cromada horizontal que se estende até aos faróis.

Quanto às suas dimensões, o SUV cresceu mais 7 cm face ao Kadjar, chegando agora aos 4,51 metros de comprimento. A largura atinge os 1,83 metros e a altura 1,62, para a distância entre eixos se situar nos 2,67 metros. 

Interior mais tecnológico 

O espaço a bordo do Renault Austral é marcado pelos bancos traseiros, que podem deslizar até 16 cm, e aumentar de 430 até aos 575 litros a capacidade da bagageira. Com os bancos rebatidos, a capacidade pode crescer até aos 1.575 litros. 

Do Mégane E-Tech Electric, herda a ergonomia e a interface homem/máquina, com o ecrã táctil multimédia OpenR de 12 polegadas na vertical, que prolonga o painel de instrumentos de 12,3 polegadas.

Tal como naquele "eléctrico", o sistema multimédia funciona com o Google, permitindo assim o acesso aos serviços e aplicações daquele motor de busca. 

O volante multifunções, num formato hexagonal, facilita a entrada e saída do automóvel e garante uma boa visão sobre o painel de instrumentos. 

E pode-se sempre contar com a ajuda do visor head-up de 9,3 polegadas, reflectido no pára-brisas. 

As aplicações em madeira e laca preta realçam os acabamentos, que, dependendo dos níveis de equipamentos, dispõe de estofos e revestimentos em pele, Alcantara ou tecido acolchoado.

O Austral possui até 32 sistemas de segurança activa e apoio à condução, em quase tudo igual ao que a concorrência oferece. 

Controlo activo de velocidade de cruzeiro, manutenção de faixa, alerta de ponto cego e tráfego cruzado na traseira, travagem automática de emergência, câmara de 360 graus e estacionamento automático são apenas algumas das valências disponíveis. 

Espírito Alpine 

Descontinuada a linha R.S. Line, a Renault estreia no Austral a variante Esprit Alpine que depois irá estender-se a outros modelos da marca.

O desenho desta versão é mais assertivo, realçado pela cor em Gris Schiste Satin com acabamento acetinado, a acentuar o tom musculado e dinâmico do SUV. 

À frente, a grelha horizontal do radiador é acabada em cinzento acetinado, com a lâmina aerodinâmica na mesma cor. 

É um contraste feliz com o preto do tejadilho e das capas dos retrovisores laterais, e com as jantes em alumínio Daytona de 20 polegadas. 

Por dentro, o Esprit Alpine apresenta estofos em Alcantara com tecido em sarja, do tipo fibra de carbono, e pespontos duplos no azul Alpine.

O mesmo logótipo está bordado nos encostos de cabeça, com a discreta bandeira tricolor francesa nas costuras laterais interiores. 

Híbrido ou mild hybrid? 

Nem gasóleo nem híbrido plug-in: o Renault Austral cinge-se a quatro motorizações a gasolina mas sempre com tecnologia hibridizada. 

Em estreia está um bloco a gasolina de 1.3 litros e quatro cilindros com tecnologia mild hybrid de 12 volt. As potências variam dos 140 cv, na versão com caixa manual ou automática, e 160 cv com transmissão CVT automática. 

Inédito é o motor turbo de 1.2 litros de três cilindros com 130 cv, ligado a um sistema mild hybrid de 48 volt e caixa manual de velocidades.

Proposto como uma alternativa ao diesel, os consumos médios situam-se nos 5,3 litros /100 km e as emissões de dióxido de carbono (CO2) nos 123 g/km, de acordo com a marca. 

Novidade é mesmo a motorização híbrida E-Tech, apoiada num bloco de 1.2 litros de três cilindros, e associado a um propulsor eléctrico de 50 kW (68 cv) e 205 Nm. 

A apoiar a sua dinâmica está uma bateria de 1,7 kWh de 400 volt e uma caixa automática de sete relações: duas para o modo eléctrico e cinco para o modo híbrido.

Disponível nas potências de 160 e 200 cv, as relações da transmissão foram optimizadas em termos de binário (de 350 Nm para 410 Nm), potência, rendimento e capacidade de resposta. 

Os consumos anunciados rondam os 4,6 litros/100 km e as emissões de CO2 atingem os 105 g/km. 

Para qualquer uma das variantes é proposto o sistema 4Control, que pode virar as rodas traseiras num ângulo até cinco graus. 

O Renault Austral chega aos concessionários nacionais em Setembro e, embora não tenham sido revelados os preços, as pré-encomendas deverão abrir antes do Verão. 

Já segue o Aquela Máquina no Instagram?

Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Utils/
Subscrever Newsletter
pub
×
Enviar artigo por email

Restam 350 caracteres

×
Para poder adicionar esta notícia aos seus favoritos deverá efectuar login. Caso não esteja registado no site de Aquela Máquina, efectue o seu registo gratuito.