Pesquisa
Novos Modelos

O novo Porsche Panamera visto à lupa

10:09 - 29-06-2016
  247
O novo Porsche Panamera visto à lupaO novo Porsche Panamera visto à lupaO novo Porsche Panamera visto à lupaO novo Porsche Panamera visto à lupaO novo Porsche Panamera visto à lupaO novo Porsche Panamera visto à lupaO novo Porsche Panamera visto à lupaO novo Porsche Panamera visto à lupaO novo Porsche Panamera visto à lupaO novo Porsche Panamera visto à lupaO novo Porsche Panamera visto à lupaO novo Porsche Panamera visto à lupa
O novo Porsche Panamera visto à lupaO novo Porsche Panamera visto à lupaO novo Porsche Panamera visto à lupaO novo Porsche Panamera visto à lupaO novo Porsche Panamera visto à lupaO novo Porsche Panamera visto à lupaO novo Porsche Panamera visto à lupaO novo Porsche Panamera visto à lupaO novo Porsche Panamera visto à lupaO novo Porsche Panamera visto à lupaO novo Porsche Panamera visto à lupaO novo Porsche Panamera visto à lupa
Passado o choque provocado, em 2009, nos puristas da marca, com o lançamento de uma berlina, a Porsche segue em frente com a renovação do Panamera, agora assente na certeza do bom trabalho feito e que se traduziu na venda de 150 mil unidades nestes sete anos! A segunda geração está pronta, foi ontem mostrada ao Mundo e chegará ao mercado no início de Novembro. O lema da sua renovação, como em qualquer equipa vencedora, foi reforçar os pontos fortes e eliminar os pontos fracos!

Um deles era, quase unanimemente, a estética da traseira, demasiado avantajada para uma berlina que se pretendia elegante para concorrer no mercado do luxo. Tal como já sucedera no Cayenne, a segunda geração "tratou do assunto" e, agora, o Panamera tem um visual muito mais dinâmico e harmonioso na zona posterior. Não só pela linha do tejadilho estar 20 mm mais baixa na sua zona final, mas também pelas ópticas traseiras mais finas, a lembrar as do Macan, e unidas por um elemento em LED, até aqui sinal distintivo reservado às versões de quatro rodas motrizes dos Porsche.

Que, afinal, são as três primeiras a chegar ao mercado, estreando três motores que deixam… "água na boca", tendo todos em comum os factos de serem sobrealimentados por dois turbos e de estarem associados a caisas automáticas PDK de oito velocidades. A versão Turbo ganha um motor mais pequeno, V8 4.0, mas mais potente, agora com 550 cv, mais 30 cv que na geração anterior: 306 km/h e 3,8 s dos 0 aos 100 km/h (ou 3,6 s com o "pack" Sport Chrono) falam por si!

Na fase de lançamento, a entrada na gama é feita pela versão 4S, com um também novo V6 2.9 de 440 cv (ganho de 20 cv) que leva apenas 4,4 s a chegar aos 100 km/h, atingindo os 289 km/h. Mais interessante é a nova variante 4S Diesel que estreia o mais potente motor a gasóleo da Porsche, um V8 4.0 de 422 cv e soberbo binário de 850 Nm logo às 1000 rpm! Uma berlina Diesel que chega aos 285 km/h e acelera em 4,5 s até aos 100 km/h, anunciando um consumo em percurso misto de 6,8 l/100 km.

Esta segunda geração do Porsche Panamera ganhou uma carroçaria toda feita em alumínio para conter o peso. Os detalhes estéticos escondem bem o aumento das dimensões exteriores que, verdade seja dita, é apenas milimétrico: mais 34 mm em comprimento (5,049 m), 6 mm em largura, 5 mm em altura e 30 mm na distância entre eixos. Isso também deverá permitir uma melhoria do comportamento dinâmico, no que é ajudado pelas melhorias conseguidas no chassis, pela adopção do eixo traseiro direccional (herança dos desportivos 918 Spyder e 911 Turbo), pela suspensão pneumática e por diversos sistemas de auxílio à condução.

No interior, a berlina da Porsche avançou para patamares ainda mais elevados, não só de luxo e conforto, mas também da tecnologia embarcada. Tirando o conta-rotações central analógico, todos os restantes instrumentos são digitais, segundo o novo conceito do Porsche Advanced Cockpit. De onde se destaca, obviamente, o enorme ecrã central táctil, onde a marca alemã pretende mimetizar um "smartphone" ou um "tablet", a partir do qual se podem comandar inúmeras funções.

O mesmo se passa entre as duas luxuosas poltronas traseiras, com uma consola onde se pode regular tudo o que é climatização e aquecimento/ventilação dos bancos, além de se poder seguir a viagem, tanto pelo computador de bordo como pelo sistema de navegação. Nesta berlina desportiva, os passageiros de trás têm os mesmos… "direitos" dos da frente!

A chegada do novo Porsche Panamera ao mercado nacional está agendada para o dia 5 de Novembro, muito embora a marca já tenha bastantes encomendas firmes… Quanto a preços teremos: Panamera 4S por 134.644 €; 4S Diesel por 154.320 €; e o Turbo por 188.007 €.
Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Utils/
Subscrever Newsletter
pub
×
Enviar artigo por email

Restam 350 caracteres

×
Para poder adicionar esta notícia aos seus favoritos deverá efectuar login. Caso não esteja registado no site de Aquela Máquina, efectue o seu registo gratuito.