Pesquisa
Novos Modelos
Novo Toyota Yaris aposta no híbrido
17:25 - 17-10-2019
 
Novo Toyota Yaris aposta no híbridoNovo Toyota Yaris aposta no híbridoNovo Toyota Yaris aposta no híbridoNovo Toyota Yaris aposta no híbridoNovo Toyota Yaris aposta no híbridoNovo Toyota Yaris aposta no híbridoNovo Toyota Yaris aposta no híbridoNovo Toyota Yaris aposta no híbridoNovo Toyota Yaris aposta no híbridoNovo Toyota Yaris aposta no híbridoNovo Toyota Yaris aposta no híbridoNovo Toyota Yaris aposta no híbridoNovo Toyota Yaris aposta no híbridoNovo Toyota Yaris aposta no híbridoNovo Toyota Yaris aposta no híbrido
Novo Toyota Yaris aposta no híbridoNovo Toyota Yaris aposta no híbridoNovo Toyota Yaris aposta no híbridoNovo Toyota Yaris aposta no híbridoNovo Toyota Yaris aposta no híbridoNovo Toyota Yaris aposta no híbridoNovo Toyota Yaris aposta no híbridoNovo Toyota Yaris aposta no híbridoNovo Toyota Yaris aposta no híbridoNovo Toyota Yaris aposta no híbridoNovo Toyota Yaris aposta no híbridoNovo Toyota Yaris aposta no híbridoNovo Toyota Yaris aposta no híbridoNovo Toyota Yaris aposta no híbridoNovo Toyota Yaris aposta no híbrido
Novo Toyota Yaris aposta no híbrido

É o primeiro modelo compacto a ser desenvolvido segundo a nova arquitectura global da Toyota (TNGA) e o resultado é mais do que meritório.

Construído sobre a plataforma modular GA-B, o novíssimo Toyota Yaris agora apresentado extravasa estilo, praticabilidade, prazer de condução e segurança nas suas linhas estilísticas.

Novo Toyota Yaris aposta no híbrido

O principal trunfo do Yaris está, no entanto, no novo motor a gasolina Hybrid Dynamic Force de 1.5 litros e três cilindros.

Derivado dos propulsores de 2.0 e 2.5 litros que equipam os modelos Corolla, RAV4 e Camry, será a principal motorização do citadino; a Toyota espera que 80% das vendas sejam com este motor.

Embora não indique valores precisos, a marca afirma que o motor híbrido contribui para uma redução em 20% dos consumos e das emissões poluentes, ao mesmo tempo que oferece mais 15% de potência.

Significa isso que, se a versão que o novo Yaris substitui agora tinha 100 cv, é expectável que este atinja os 115 cv.

A ele irão juntar-se mais dois motores a gasolina de três cilindros: o primeiro de 1.0 litros com caixa manual de cinco velocidades e o segundo de 1.5 litros com transmissão manual de cinco relações, podendo optar-se por uma caixa de velocidades automática CVT.

Linhas fluídas e elegantes

Ágil e compacto são as ideias fortes da quarta geração deste modelo projectado na Europa, e especialmente concebido para o tráfego urbano, como já antes acontecia com os seus antecessores.

Neste caso específico, se os modelos que integram este segmento têm visto as suas dimensões alargarem-se, não foi esse conceito que esteve por trás do desenvolvimento do Yaris.

Se o seu comprimento baixou 5 mm em relação à anterior geração, com 3945 mm, a distância entre eixos e a largura aumentaram 50 mm, respectivamente, reforçando o espaço disponível para condutor e passageiros.

O uso da nova plataforma modular GA-B também permitiu baixar em 40 mm a altura do citadino (antes era de 1510 mm) e 15 mm o centro de gravidade, sem que o conforto tenha sido comprometido, já que os ocupantes sentam-se a um nível mais baixo.

Como indica a marca, o estilo imprimido às suas linhas reforça o efeito que as suas proporções compactas dão, aumentando a sensação de movimento.

As asas dianteiras e traseiras reforçam um espírito firme e ágil, pronto para enfrentar os obstáculos próprios da condução urbana.

Uma grelha do motor de grande dimensão, rematada pelo logotipo da marca, as cavas abauladas das rodas, o capô mais longo, os pára-choques desportivos, e os faróis e farolins LED transmitem uma personalidade muito própria na estrada.

Interior prático sem perder requinte

Menos é Mais é o lema que esteve por trás da concepção do habitáculo do Toyota Yaris, oferecendo uma área espaçosa para o condutor e o ocupante, complementada por materiais de qualidade.

Um painel de instrumentos de toque suave proporciona um ambiente ainda mais acolhedor do habitáculo, reflectido no som dos controlos, cores, iluminação, formas, padrões e gráficos.

O cockpit foi desenvolvido em torno do conceito "mãos no volante, olhos na estrada", com as informações a serem apresentadas de forma clara e directa ao condutor.

Um ecrã central de grandes dimensões dá os principais dados e avisos de direcção, como alertas de navegação e limites de velocidade no pára-brisas, a que se somam dois visores para darem informações secundárias. Por último, mas não menos importante, a dimensão do volante foi reduzida para uma melhor visibilidade na condução.

Anunciado como o compacto mais seguro do seu segmento a nível mundial, não é nenhum espanto que o Toyota Yaris venha de série com o Toyota Safety Sense.

O pack inclui controlo adaptativo inteligente de velocidade, alerta de saída de faixa e airbag central para proteger os ocupantes da frente nos impactos laterais.

Já segue o Aquela Máquina no Instagram?

Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Subscrever Newsletter
pub
×
Enviar artigo por email

Restam 350 caracteres

×
Para poder adicionar esta notícia aos seus favoritos deverá efectuar login. Caso não esteja registado no site de Aquela Máquina, efectue o seu registo gratuito.