Pesquisa
Novos Modelos

Novo Opel Ampera-e terá autonomia de 400 km

10:01 - 14-09-2016
  22
Novo Opel Ampera-e terá autonomia de 400 kmNovo Opel Ampera-e terá autonomia de 400 kmNovo Opel Ampera-e terá autonomia de 400 kmNovo Opel Ampera-e terá autonomia de 400 kmNovo Opel Ampera-e terá autonomia de 400 kmNovo Opel Ampera-e terá autonomia de 400 kmNovo Opel Ampera-e terá autonomia de 400 kmNovo Opel Ampera-e terá autonomia de 400 kmNovo Opel Ampera-e terá autonomia de 400 kmNovo Opel Ampera-e terá autonomia de 400 kmNovo Opel Ampera-e terá autonomia de 400 km
Novo Opel Ampera-e terá autonomia de 400 kmNovo Opel Ampera-e terá autonomia de 400 kmNovo Opel Ampera-e terá autonomia de 400 kmNovo Opel Ampera-e terá autonomia de 400 kmNovo Opel Ampera-e terá autonomia de 400 kmNovo Opel Ampera-e terá autonomia de 400 kmNovo Opel Ampera-e terá autonomia de 400 kmNovo Opel Ampera-e terá autonomia de 400 kmNovo Opel Ampera-e terá autonomia de 400 kmNovo Opel Ampera-e terá autonomia de 400 kmNovo Opel Ampera-e terá autonomia de 400 km
O novo Opel Ampera-e, que tem estreia mundial marcada para o final de Setembro, no Salão de Paris, promete revolucionar um dos grandes obstáculos à democratização dos veículos eléctricos: a autonomia. De acordo com o ciclo NEDC (New European Driving Cycle), a norma actualmente em vigor para estabelecer comparações entre diferentes veículos, o Ampera-e consegue superar a barreira dos 400 km com uma só carga.

Este resultado faz do novo Opel o automóvel eléctrico com maior autonomia neste segmento de mercado, sendo que os concorrentes directos não vão além dos 300 km, no caso do BMW i3, e 250 km no que toca ao Nissan Leaf. Já o Renault Zoe cobre apenas 240 km, ao passo que o Volkswagen e-Golf não vai além dos 190 km.

Opel Ampera-e

Ainda assim, convém esclarecer que o valor apurado no cinclo NEDC não corresponde à autonomia máxima na utilização do dia-a-dia, por culpa de factores como as características da estrada, tipo de condução, peso das cargas ou condições meteorológicas. Porém, a Opel assegura que o Ampera-e será capaz de percorrer mais de 300 km com uma só carga. A bateria, desenvolvida em parceria com a LG Chem, consiste em 288 células de iões de lítio, alcançando uma capacidade de 60 kWh.

"Com o Ampera-e trazemos ao mercado um automóvel elétrico que está apto para a utilização no dia-a-dia. Tem grande autonomia e será proposto a preço razoável, já a partir da primavera do próximo ano. O Ampera-e não é um modelo de ‘eco-luxo’, nem um ‘gadget’, nem um puro segundo carro. Com o Ampera-e demonstramos que a mobilidade eléctrica pode chegar a mais pessoas graças a tecnologia verdadeiramente inovadora. Nós estamos a democratizar o automóvel eléctrico"
, afirmou Karl-Thomas Neumann, CEO da Opel.

Mas a autonomia não é o único trunfo do Opel Ampera-e. Com 4,17 metros de comprimento, o novo eléctrico da marca alemã oferece um habitáculo capaz de acomodar cinco adultos e uma bagageira com 381 litros de volume de carga.

No que às performances diz respeito, este Ampera-e é capaz de passar dos 0 aos 50 km/h em apenas 3,2 segundos, sendo que a Opel destaca ainda que para passar dos 80 aos 120 km/h são necessários 4,5 segundos, valor que a marca germânica considera importante para as ultrapassagens. A velocidade máxima está limitada electronicamente aos 150 km/h, com a Opel a afirmar que é uma decisão em benefício da autonomia geral do automóvel. Recorde-se que o grupo motopropulsor debita 150 kW, o que equivale a 204 cv, sendo que o binário máximo está fixado nos 360 Nm.
Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Eu   14:47 - 09-01-2017
VOTAR
Este modelo é puro eléctrico, não tem qualquer extensor/propulsor a combustível fóssil como tinha o modelo anterior.
Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
rasga   17:29 - 04-12-2016
VOTAR
Antes de criticar ou comentar a que saber do que se fala!!!
Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Amalucado Feijó   00:10 - 19-09-2016
VOTAR
E o motor acoplado vai ser a diesel ou a GPL ???

Se fosse a GPL é que ia revolucionar o mercado. Batia toda a concorrência... ;)

A Opel se tornar a cometer os mesmos erros do passado ( com o extinto Ampera , lembram-se dele ??? )... vai passar vergonhas...!!
Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Amalucado Feijó   00:09 - 19-09-2016
VOTAR
E o motor acoplado vai ser a diesel ou a GPL ???

Se fosse a GPL é que ia revolucionar o mercado. Batia toda a concorrência... ;)

A Opel se tornar a cometer os mesmos erros do passado ( com o extinto Ampera , lembram-se dele ??? )... vai passar vergonhas...!!

Vamos a ver ... ;)
Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Utils/
Subscrever Newsletter
pub
×
Enviar artigo por email

Restam 350 caracteres

×
Para poder adicionar esta notícia aos seus favoritos deverá efectuar login. Caso não esteja registado no site de Aquela Máquina, efectue o seu registo gratuito.