Pesquisa
Notícias

Zoe mais eléctrico dá 390 km de autonomia

17:19 - 17-06-2019
 
Zoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomia
Zoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomiaZoe mais eléctrico dá 390 km de autonomia
Zoe mais eléctrico dá 390 km de autonomia

Que se cuidem os principais rivais do Zoe. A segunda geração do "eléctrico" da Renault deverá chegar às estradas europeias no final deste ano, com atributos que se pretendem imbatíveis.

Equipado com uma nova bateria de 52 kWh, o citadino do construtor francês oferece uma autonomia de 389 quilómetros, um aumento de 20% em relação à versão anterior.

Zoe mais eléctrico dá 390 km de autonomia



E, se a demora que uma bateria demora a carregar se mantém como um dos "infortúnios" dos modelos eléctricos, a Renault propõe um tempo de carregamento bem mais "amigo" do automobilista.

Um carregamento de 30 minutos com a nova opção de carga de 50 kW DC permite conduzir 145 quilómetros.

O facto é tanto mais assinalável quando um carregamento de uma hora num posto público de 22 kW corresponde apenas uma autonomia de 126 quilómetros.

Já em carregamento doméstico, com um carregador de 7 kW, são necessárias quase nove horas e meia para obter uma carga completa.

Potência e estética melhoradas

Outro facto a reter deve-se ao motor R135 de 100 kW (135 cv), em contraponto ao conhecido R110 de 80 kW (100 cv), que se mantém. Para atingir os 100 km/hora, o Zoe demora dez segundos, sendo de 140 km/hora a sua velocidade máxima.

A nível estético, não se distinguem retoques estilísticos de grande envergadura no exterior. As diferenças em relação à geração anterior resumem-se à grelha frontal, aos pára-choques, aos faróis dianteiros e traseiros, e às jantes.

É no interior do Zoe que se sentem as principais alterações, a começar por um novo tablier e painel de instrumentos, onde salta à vista um ecrã táctil de ‘infotainment’ de 9,3 polegadas.

O travão de estacionamento automático acompanha um novo comando de transmissão, enquanto a possibilidade de conduzir em modo B reduz a necessidade de uso do pedal de travão.

Em termos de segurança activa, o Zoe compreende toda a parafernália electrónica que os citadinos eléctricos têm popularizado.

Travagem de emergência, alerta de saída de faixa, reconhecimento de sinais de trânsito, monitorização de ângulos mortos, e auxiliares de estacionamento e de ponto de embraiagem em subida, são algumas das tecnologias incorporadas.

E, ao automobilista, é-lhe ainda facilitado o controlo de algumas funções do ‘eléctrico’ da Renault através do telemóvel, como a activação do ar condicionado, controlo do carregamento da bateria e respectiva autonomia, e planificação de viagens.

Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Utils/
Subscrever Newsletter
pub
×
Enviar artigo por email

Restam 350 caracteres

×
Para poder adicionar esta notícia aos seus favoritos deverá efectuar login. Caso não esteja registado no site de Aquela Máquina, efectue o seu registo gratuito.