Pesquisa
Actualidade
Dallara de estrada aproxima-se da realidade!
17:34 - 08-09-2017
  7
Dallara de estrada aproxima-se da realidade!Dallara de estrada aproxima-se da realidade!Dallara de estrada aproxima-se da realidade!Dallara de estrada aproxima-se da realidade!Dallara de estrada aproxima-se da realidade!Dallara de estrada aproxima-se da realidade!Dallara de estrada aproxima-se da realidade!Dallara de estrada aproxima-se da realidade!Dallara de estrada aproxima-se da realidade!Dallara de estrada aproxima-se da realidade!
Dallara de estrada aproxima-se da realidade!Dallara de estrada aproxima-se da realidade!Dallara de estrada aproxima-se da realidade!Dallara de estrada aproxima-se da realidade!Dallara de estrada aproxima-se da realidade!Dallara de estrada aproxima-se da realidade!Dallara de estrada aproxima-se da realidade!Dallara de estrada aproxima-se da realidade!Dallara de estrada aproxima-se da realidade!Dallara de estrada aproxima-se da realidade!
Tendo assistido ao relativo sucesso da incursão da KTM pelas quatro rodas, com o X-Bow virado exclusivamente para o prazer de condução, sem quaisquer concessões, a Dallar, bem conhecida como construtora de automóveis de competição para quase todas as categorias do desporto automóvel, está prestes a lançar o seu primeiro modelo de estrada. Carro exclusivo e bastante radical, apostando numa baixíssima relação peso/potência e numa aerodinâmica cuidada para dar sensações de competição… na ida para o trabalho!

Por enquanto é apenas apelidado de Dallara Stradale – ou o Dallara para estrada –, tendo já passado a fase de testes em circuito e estando já a enfrentar as estradas, onde poderá circular, ao contrário das outras criações da empresa de Giampaolo Dallara. Que tem construído monolugares para a F1 (os Haas), todos os da F2, GP3 e da Fórmula Indy e de várias categorias de sport-protótipos, nomeadamente os LMP3.

Aqui, o "assunto" será outro mas, apesar de o carro mais recentemente apanhado em testes estar sem capota e com uma traseira… "civilizada", sabe-se que a versão definitiva a ser lançada em primeiro lugar pela Dallara será fechada, tipo LMP3, com portas a abrir para cima, dando aos ocupantes uma sensação de estarem num autêntico protótipo de competição. E terá uma gigantesca asa traseira para dar o apoio aerodinâmico de que o carro necessitará para curvar a alta velocidade.

Porque, segundo o próprio Dallara confidenciou numa entrevista recente, estão a ser feitos esforços para que o carro não ultrapasse os 800 kg. Um peso-pluma que será, depois, movimentado por uma versão do motor 2.0 turbo Ecoboost que anima o Ford Focus RS, com 400 cv. Portanto, 2 kg/cv, o que promete prestações de cortar a respiração! Apesar da camuflagem destes protótipos não o mostrar, a carroçaria estará cheia de cantos, recantos e apêndices para optimizar a aerodinâmica que será muito útil num carro que poderá também ser usado em pistas, nos chamados "track days".

O Dallara de estrada terá uma produção reduzida, não devendo ultrapassar s 600 unidades, o que o transformará, também, num objecto de desejo e de colecção. Não será, por isso, um carro particularmente acessível, até por utilizar alguns materiais mais nobres pela "caça" ao peso… Fala-se que poderá andar entre os 80 e os 100 mil euros, antes de impostos. Mas agora o mais importante é mesmo conhecer a versão final deste Dallara apto para andar nas estradas, o que poderá suceder ainda no decorrer deste ano.
Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Subscrever Newsletter
pub
×
Enviar artigo por email

Restam 350 caracteres

×
Para poder adicionar esta notícia aos seus favoritos deverá efectuar login. Caso não esteja registado no site de Aquela Máquina, efectue o seu registo gratuito.