Pesquisa
Actualidade

Polícia apreende carro que condutor tinha comprado há 30 segundos

11:45 - 30-11-2020
 
Polícia apreende carro que condutor tinha comprado há 30 segundos

"30 Segundos" podia muito bem ser o título do próximo filme de Nicolas Cage, numa referência ao mítico filme "60 Segundos", mas não. Este é apenas o tempo que o protagonista desta história, um condutor do Reino Unido, demorou a ver o seu carro apreendido depois de o comprar.

A situação foi partilhada no Twitter pela Polícia de Northampton, que explicou o sucedido. Depois de um carro patrulha quase ter sido abalroado de frente por um Renault Mégane, os agentes encostaram o condutor do Mégane e perceberam que este não tinha seguro.

Como desculpa, o condutor apressou-se a dizer que tinha comprado o carro há 30 seguros. "Pela primeira vez isto até era verdade", pode ler-se no comunicado da Polícia, que aplicou a lei e apreendeu o automóvel.

Recorde-se que conduzir um automóvel sem seguro no Reino Unido dá direito a uma multa de 334 euros e menos seis pontos na carta de condução, sendo que numa situação destas a Polícia tem o poder de "apreender e, em alguns casos, destruir o veículo".

Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
comentário mais votado
John Sousa   18:28 - 30-11-2020
Aqui onde vivo nao podes comprar um carro sem carta de conducao, seguro e matricula do carro.
Manuel Almeida   10:54 - 02-12-2020
VOTAR
Sendo obrigatório o seguro pq não o carro só sair do stand com seguro provisório feito e depois o comprador confirmar o mesmo ou criar outro definitivo?
Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
John Sousa   18:28 - 30-11-2020
VOTAR
Aqui onde vivo nao podes comprar um carro sem carta de conducao, seguro e matricula do carro.
Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Subscrever Newsletter
pub
×
Enviar artigo por email

Restam 350 caracteres

×
Para poder adicionar esta notícia aos seus favoritos deverá efectuar login. Caso não esteja registado no site de Aquela Máquina, efectue o seu registo gratuito.