Pesquisa
Actualidade
Peugeot VLV. Primeiro eléctrico da marca do leão nasceu em 1941
14:42 - 24-03-2020
 
Peugeot VLV. Primeiro eléctrico da marca do leão nasceu em 1941Peugeot VLV. Primeiro eléctrico da marca do leão nasceu em 1941Peugeot VLV. Primeiro eléctrico da marca do leão nasceu em 1941Peugeot VLV. Primeiro eléctrico da marca do leão nasceu em 1941Peugeot VLV. Primeiro eléctrico da marca do leão nasceu em 1941Peugeot VLV. Primeiro eléctrico da marca do leão nasceu em 1941Peugeot VLV. Primeiro eléctrico da marca do leão nasceu em 1941Peugeot VLV. Primeiro eléctrico da marca do leão nasceu em 1941Peugeot VLV. Primeiro eléctrico da marca do leão nasceu em 1941Peugeot VLV. Primeiro eléctrico da marca do leão nasceu em 1941Peugeot VLV. Primeiro eléctrico da marca do leão nasceu em 1941Peugeot VLV. Primeiro eléctrico da marca do leão nasceu em 1941
Peugeot VLV. Primeiro eléctrico da marca do leão nasceu em 1941Peugeot VLV. Primeiro eléctrico da marca do leão nasceu em 1941Peugeot VLV. Primeiro eléctrico da marca do leão nasceu em 1941Peugeot VLV. Primeiro eléctrico da marca do leão nasceu em 1941Peugeot VLV. Primeiro eléctrico da marca do leão nasceu em 1941Peugeot VLV. Primeiro eléctrico da marca do leão nasceu em 1941Peugeot VLV. Primeiro eléctrico da marca do leão nasceu em 1941Peugeot VLV. Primeiro eléctrico da marca do leão nasceu em 1941Peugeot VLV. Primeiro eléctrico da marca do leão nasceu em 1941Peugeot VLV. Primeiro eléctrico da marca do leão nasceu em 1941Peugeot VLV. Primeiro eléctrico da marca do leão nasceu em 1941Peugeot VLV. Primeiro eléctrico da marca do leão nasceu em 1941
Peugeot VLV. Primeiro eléctrico da marca do leão nasceu em 1941

A Peugeot pode só ter lançado recentemente a sua gama electrificada, mas a primeira aposta na electricidade aconteceu em 1941, ano em que lançou o VLV, cujas siglas correspondiam a ‘Voiture Légère de Ville’.

O início do séc. XX ficou marcado por décadas complicadas, num período dominado por numerosos conflitos bélicos, o que levou à redução do abastecimento de combustíveis fósseis. Isto obrigou as fabricantes a pensar e a desenvolver alternativas a estas energias, com a Peugeot a apresentar o VLV, um pequeno automóvel verdadeiramente revolucionário para a época.

Peugeot VLV. Primeiro eléctrico da marca do leão nasceu em 1941

O primeiro automóvel totalmente eléctrico da marca francesa tinha um motor eléctrico que produzia 1 kW, o equivalente a 1,3 cv, mas já na altura contava com um avançado sistema que lhe dava um "boost" momentâneo que o levava aos 3,5 cv.

Com apenas 348 quilos de peso tinha autonomia para 80 quilómetros e chegava aos 30 km/h de velocidade máxima, número que subia até aos 36 km/h com o "boost" de potência accionado. São números impressionantes, sobretudo se tivermos em conta a época em que o VLV foi lançado no mercado.

A principal missão do VLV era satisfazer as necessidades básicas de mobilidade para serviços médicos, de farmácia e de Correios, e a esse nível revelou-se muito importante.

Porém, o processo de construção do Peugeot VLV era lento e muito caro, já que a produção era constantemente interrompida por dificuldades no fornecimento de materiais. Isso levou a que a produção fosse interrompida em Fevereiro de 1945, depois de apenas 377 unidades vendidas.

Ainda assim, este modelo ficará para sempre na história da marca do leão como o primeiro automóvel eléctrico da fabricante agora liderada por Jean-Philippe Imparato, e numa altura em que o catálogo da Peugeot já conta com versões híbridas do 508 e 3008 e com variantes totalmente eléctricas do 208 e 2008, faz todo o sentido recuperá-lo.

Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Subscrever Newsletter
pub
×
Enviar artigo por email

Restam 350 caracteres

×
Para poder adicionar esta notícia aos seus favoritos deverá efectuar login. Caso não esteja registado no site de Aquela Máquina, efectue o seu registo gratuito.