Pesquisa
Actualidade
Já pode ir trabalhar no seu… Porsche 917!
14:01 - 03-01-2017
  66
Já pode ir trabalhar no seu… Porsche 917!Já pode ir trabalhar no seu… Porsche 917!Já pode ir trabalhar no seu… Porsche 917!Já pode ir trabalhar no seu… Porsche 917!Já pode ir trabalhar no seu… Porsche 917!Já pode ir trabalhar no seu… Porsche 917!Já pode ir trabalhar no seu… Porsche 917!Já pode ir trabalhar no seu… Porsche 917!Já pode ir trabalhar no seu… Porsche 917!Já pode ir trabalhar no seu… Porsche 917!Já pode ir trabalhar no seu… Porsche 917!Já pode ir trabalhar no seu… Porsche 917!
Já pode ir trabalhar no seu… Porsche 917!Já pode ir trabalhar no seu… Porsche 917!Já pode ir trabalhar no seu… Porsche 917!Já pode ir trabalhar no seu… Porsche 917!Já pode ir trabalhar no seu… Porsche 917!Já pode ir trabalhar no seu… Porsche 917!Já pode ir trabalhar no seu… Porsche 917!Já pode ir trabalhar no seu… Porsche 917!Já pode ir trabalhar no seu… Porsche 917!Já pode ir trabalhar no seu… Porsche 917!Já pode ir trabalhar no seu… Porsche 917!Já pode ir trabalhar no seu… Porsche 917!
O Porsche 917 tornou-se um carro mítico desde as suas vitórias nas 24 Horas de Le Mans, as primeiras absolutas da marca germânica na prova de resistência francesa, e pela forma como colocou um fim às aspirações da Ferrari nas provas de Sport-Protótipos.

Pode ter sido considerado, em 2000, o "Desportivo do século em Le Mans" por um júri formado por jornalistas especializador naquela corrida, ou até ter sido nomeado "Melhor automóvel de competição de todos os tempos" pela revista "Motor Sport Magazine", tal a vantagem que conseguiu sobre a concorrência. Mas nada definirá melhor o Porsche 917 que a afirmação de Enzo Ferrari de que a Porsche não construía automóveis… mas armas!

Para mais, além de terrivelmente eficaz e esmagador em relação à concorrência, o Porsche 917 tinha umas linhas belíssimas e marcantes que definiram as silhuetas dos Sport-Protótipos para as décadas vindouras. É, pois, natural que este seja um carro que povoe os sonhos de muitos apaixonados pela competição automóvel que, desde que tenham a carteira bem recheada, poderão agora concretizar um sonho: guiar uma réplica deste carro mítico nas estradas, nas suas deslocações do dia-a-dia!

Não, não é brincadeira e o 1 de Abril ainda vem longe… Ao fim de cinco anos de estudos e projectos, a empresa britânica Icon Engineering está pronta para começar a comercializar, este mesmo ano, uma réplica do Porsche 917, não só o mais fidedigna possível ao modelo original como… matriculável para poder andar em estrada. Pelo menos nas das terras de Sua Majestade que são mais "compreensíveis" para com estes modelos tão especiais, não exigindo homologações tão restritivas…

E repare-se que não estamos na presença de um daqueles trabalhos de fazer uma carroçaria com as formas do carro original e montá-la em cima de um qualquer chassis… Aqui o trabalho foi muito mais profundo, implicando o desenvolvimento da própria estrutura tubular em alumínio e das suspensões. Tudo feito por computador e partindo do 917 original de 1969 que pertence ainda ao piloto David Piper, com o número de chassis 917-010. O "rendilhado" de tubos de alumínio não deixa de ser impressionante.

As maiores concessões dizem respeito às mecânicas a usar, até porque convém recorrer a motores modernos, pelos problemas relativos às emissões poluentes. Na traseira cabe qualquer dos motores "boxer" (seis cilindros opostos) disponível no catálogo actual da Porsche e que poderá ser escolhido pelo cliente. Mas há espaço suficiente para os 12 cilindros "boxer" (de 4,5 litros e 520 cv) que equipavam o 917 quando apareceu, em 1969!

Estas réplicas serão construídas, em primeiro lugar, para serem usadas em pista. Mas está prevista a possibilidade de serem matriculadas para poderem circular nas estradas, caso em que o cliente deverá pedir primeiro um orçamento mais detalhado. Porque já se sabe que o carro andará à volta dos 115 mil euros… sem o motor, mas incluindo o chassis, carroçaria, "tablier" completo, jantes em magnésio e todo o sistema de suspensão e travões. E, claro, uma fortíssima carga de… "uau" por onde quer que passe!

Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Subscrever Newsletter
pub
×
Enviar artigo por email

Restam 350 caracteres

×
Para poder adicionar esta notícia aos seus favoritos deverá efectuar login. Caso não esteja registado no site de Aquela Máquina, efectue o seu registo gratuito.