Pesquisa
Actualidade
Estes dez hiperdesportivos têm todos mais de 1000 cv. Ora veja!
15:25 - 02-09-2018
 
Estes dez hiperdesportivos têm todos mais de 1000 cv. Ora veja!Mercedes-AMG Project ONE – mais de 1000 cvMercedes-AMG Project ONE – mais de 1000 cvEquus Throwback – 1000 cvEquus Throwback – 1000 cvEquus Throwback – 1000 cvAston Martin Valkyrie – 1145 cvAston Martin Valkyrie – 1145 cvAston Martin Valkyrie – 1145 cvZenvo TSR-S – 1194 cvZenvo TSR-S – 1194 cvZenvo TSR-S – 1194 cvMilan Red – 1325 cvMilan Red – 1325 cvMilan Red – 1325 cvKoenigsegg Agera RS – 1360 cvKoenigsegg Agera RS – 1360 cvKoenigsegg Agera RS – 1360 cvBugatti Chiron - 1500 cvBugatti Chiron - 1500 cvBugatti Chiron - 1500 cvBugatti Divo - 1500 cvBugatti Divo - 1500 cvBugatti Divo - 1500 cvHennessey Venom F5 - 1622 cvHennessey Venom F5 - 1622 cvHennessey Venom F5 - 1622 cvSSC Tuatara - 1750 cvSSC Tuatara - 1750 cvSSC Tuatara - 1750 cvDendrobium D1 - 1800 cvDendrobium D1 - 1800 cvDendrobium D1 - 1800 cv
Estes dez hiperdesportivos têm todos mais de 1000 cv. Ora veja!Mercedes-AMG Project ONE – mais de 1000 cvMercedes-AMG Project ONE – mais de 1000 cvEquus Throwback – 1000 cvEquus Throwback – 1000 cvEquus Throwback – 1000 cvAston Martin Valkyrie – 1145 cvAston Martin Valkyrie – 1145 cvAston Martin Valkyrie – 1145 cvZenvo TSR-S – 1194 cvZenvo TSR-S – 1194 cvZenvo TSR-S – 1194 cvMilan Red – 1325 cvMilan Red – 1325 cvMilan Red – 1325 cvKoenigsegg Agera RS – 1360 cvKoenigsegg Agera RS – 1360 cvKoenigsegg Agera RS – 1360 cvBugatti Chiron - 1500 cvBugatti Chiron - 1500 cvBugatti Chiron - 1500 cvBugatti Divo - 1500 cvBugatti Divo - 1500 cvBugatti Divo - 1500 cvHennessey Venom F5 - 1622 cvHennessey Venom F5 - 1622 cvHennessey Venom F5 - 1622 cvSSC Tuatara - 1750 cvSSC Tuatara - 1750 cvSSC Tuatara - 1750 cvDendrobium D1 - 1800 cvDendrobium D1 - 1800 cvDendrobium D1 - 1800 cv
Quando o Bugatti Veyron apareceu, em 2005 (ano em que começou a ser produzido), foi o primeiro automóvel de estrada a quebrar a barreira dos 400 km/h de velocidade máxima e os 1000 cv de potência. Agora, 13 anos depois, estes números já não são o que eram e há cada vez mais hiperdesportivos a reclamar potências de quatro dígitos.

Na galeria acima reunimos dez dos hiperdesportivos da actualidade com potências superiores a 1000 cv, numa lista avaliada em várias dezenas de milhões de euros e, por isso, alcance de muito poucas "carteiras". Ora veja!

Mercedes-AMG Project ONE – mais de 1000 cv

Com um valor de mercado a rondar os três milhões de euros, o Project ONE terá um motor V6 turbo de 1.6 litros associado a quatro motores eléctricos que vão debitar mais de 1000 cv.

Com tecnologia usada pela Mercedes-AMG na Fórmula 1, este hiperdesportivo será capaz de acelerar até aos 350 km/h e de passar dos 0 aos 200 km/h em menos de seis segundos.

O único exemplar deste "super AMG" destinado ao mercado português já está vendido desde o início deste ano, pelo que em breve teremos um Project ONE a andar pelas nossas ruas!
 
Equus Throwback – 1000 cv

O Equus Throwback é uma espécie de tributo ao Corvette com um motor que debita 1000 cv de potência e 1114 Nm de binário máximo.

A empresa reivindica uma aceleração dos 0 aos 96 km/h (60 milhas por hora) de apenas 2,5 segundos e uma velocidade máxima de 354 km/h.

Com uma produção limitada a apenas 25 unidades, cada Throwback terá um preço que começa nos 105 mil euros… antes de impostos.
 
Aston Martin Valkyrie – 1145 cv

Com uma produção limitada a apenas 25 unidades, cada Throwback terá um preço que começa nos 105 mil euros… antes de impostos.

Criado pelo icónico Adrian Newey, o Aston Martin Valkyrie deverá chegar ao mercado com o motor atmosférico mais potente do mundo e com uma potência total de1145 cv de potência.

Inspirado nos monolugares da Fórmula 1, este hipercarro da marca britânica vai começar a ser produzido no final deste ano e as primeiras unidades serão entregues no início do próximo.

a Aston Martin vai fazer apenas 150 unidades da versão de estrada do Valkyrie, a 2,8 milhões de euros cada… e estão já todas vendidas.
 
Zenvo TSR-S – 1194 cv

Este hiperdesportivo dinamarquês conta com um motor V8 biturbo que debita uns impressionantes 1194 cv de potência.

Este bloco surge associado a uma caixa sequencial de sete velocidades, derivada da competição, que lhe permite acelerar dos 0 aos 100 km/h em apenas 2,8 segundos.

Além do design arrojado, o elemento que mais se destaca é a enorme asa traseira activa, que se inclina de forma a variar a carga aerodinâmica para o lado onde é mais necessária.

Milan Red – 1325 cv

A Milan Automotive, uma pequena fabricante austríaca, quer bater o pé a rivais como a Koenigsegg e a Bugatti e acaba de lançar o Red, um hiperdesportivo exótico que custa 2 milhões de euros.

Este Red é alimentado por um enorme motor V8 de 6.2 litros que debita uns impressionantes 1325 cv de potência e 1400 Nm de binário máximo.

A Milan Automotive reivindica acelerações dos 0 aos 100 km/h em 2.47 segundos, dos 0 aos 200 km/h em 5.46 segundos e uma velocidade máxima de 400 km/h!

Koenigsegg Agera RS – 1360 cv

O Koenigsegg Agera RS bateu o recorde da velocidade máxima jamais registada com um automóvel de produção, tendo atingido os 447,6 km/h, pelo que dispensa apresentações.

Este "monstro" sueco é alimentado por um bloco V8 de 5.0 litros que produz 1360 cv de potência e 1371 Nm de binário máximo.

Acelera dos 0 aos 100 km/h em 2,8 segundos, dos 0 aos 200 km/h em 6,6 segundos e cumpre o registo dos 0-300-0 km/h em apenas 17.95 segundos!
 
Bugatti Chiron - 1500 cv
 
Apresentado para substituir o revolucionário Bugatti Veyron, o Chiron "é" um monstro de 2,5 milhões de euros equipado com um bloco W16 de 8.0 litros que debita uma potência de 1500 cv e 1600 Nm de binário máximo.

A marca francesa vai produzir um total de 500 unidades e já entregou mais de 100  exemplares. Acelera dos 0 aos 100 km/h em 2,5 segundos e tem uma velocidade máxima anunciada de 420 km/h.

Bugatti Divo - 1500 cv

Esta é a última criação da marca francesa. Tem por base o Bugatti Chiron mas é uma proposta bem mais radical e focada numa utilização em pista.

O motor continua a ser o mesmo W16 de 8.0 litros com 1500 cv, mas a aerodinâmica do Divo garante-lhe mais 90 quilos de força descendente e mais apoio em curva.

A Bugatti só vai produzir 40 unidades do Bugatti Divo, cada uma com um preço de 5 milhões de euros.

Hennessey Venom F5 - 1622 cv

Esta é a resposta da Hennessey ao Bugatti Chiron. A mecânica impressiona, já que este Venom F5 conta com um motor V8 de 7.4 litros com dois turbos.

Estes números garantem uma aceleração dos 0 aos 300 km/h em 10 segundos e a empresa norte-americana reivindica uma velocidade máxima de 300 milhas por horas, o equivalente a 482 km/h.

Se conseguir atingir esta velocidade vai ser automóvel de estrada com maior velocidade de ponta alguma vez registado.

SSC Tuatara - 1750 cv

O nome pode ser desconhecido do grande público mas este SSC Tuatara tem números que impressionam: 1750 cv de potência!

O nome é inspirado num lagarto da Nova Zelândia e conta com um motor V8 de 5,9 litros biturbo que o deixa acelerar até aos 483 km/h.

Tal como acontece com o Venom F5, se a velocidade reivindicada para este modelos e registar será a mais alta de sempre registada num automóvel de estrada.

Dendrobium D1 - 1800 cv

A data de comercialização ainda não é conhecida, mas este Dendrobium D1 é um "monstro" eléctrico de 1800 cv de potência.

A potência vem de um sistema de propulsão totalmente eléctrico que lhe permite acelerar até aos 322 km/h e passar dos 0 aos 100 km/h em 2,7 segundos.

A primeira aparição pública aconteceu no ano passado, em Março, durante o Salão Automóvel de Genebra.

Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Subscrever Newsletter
pub
×
Enviar artigo por email

Restam 350 caracteres

×
Para poder adicionar esta notícia aos seus favoritos deverá efectuar login. Caso não esteja registado no site de Aquela Máquina, efectue o seu registo gratuito.