Pesquisa
Ensaio
Mercedes Classe A 180d: um familiar com espírito desportivo
17:11 - 16-11-2019
 
Mercedes Classe A 180d: um familiar com espírito desportivoMercedes Classe A 180d: um familiar com espírito desportivoMercedes Classe A 180d: um familiar com espírito desportivoMercedes Classe A 180d: um familiar com espírito desportivoMercedes Classe A 180d: um familiar com espírito desportivoMercedes Classe A 180d: um familiar com espírito desportivoMercedes Classe A 180d: um familiar com espírito desportivoMercedes Classe A 180d: um familiar com espírito desportivoMercedes Classe A 180d: um familiar com espírito desportivoMercedes Classe A 180d: um familiar com espírito desportivoMercedes Classe A 180d: um familiar com espírito desportivoMercedes Classe A 180d: um familiar com espírito desportivoMercedes Classe A 180d: um familiar com espírito desportivoMercedes Classe A 180d: um familiar com espírito desportivo
Mercedes Classe A 180d: um familiar com espírito desportivoMercedes Classe A 180d: um familiar com espírito desportivoMercedes Classe A 180d: um familiar com espírito desportivoMercedes Classe A 180d: um familiar com espírito desportivoMercedes Classe A 180d: um familiar com espírito desportivoMercedes Classe A 180d: um familiar com espírito desportivoMercedes Classe A 180d: um familiar com espírito desportivoMercedes Classe A 180d: um familiar com espírito desportivoMercedes Classe A 180d: um familiar com espírito desportivoMercedes Classe A 180d: um familiar com espírito desportivoMercedes Classe A 180d: um familiar com espírito desportivoMercedes Classe A 180d: um familiar com espírito desportivoMercedes Classe A 180d: um familiar com espírito desportivoMercedes Classe A 180d: um familiar com espírito desportivo

A Mercedes-Benz não deixa os seus créditos por mãos alheias com a gama Classe A na sua versão berlina.

O Aquela Máquina testou, por estes dias, o modelo 180d, equipado com um motor a gasóleo de 1.5 litros e com uma caixa automática DCT de sete velocidades de dupla embraiagem, e a experiência foi francamente positiva.

Compacto sem perder elegância

As linhas compactas e elegantes deste quatro portas são logo um prazer para os sentidos, num carro que não exagera nas suas dimensões.

Com 4549 mm de comprimento para uma largura de 1796 mm e uma altura de 1446 mm, a distância entre eixos de 2729 mm assegura espaço de sobra para os quatro ocupantes o Classe A 180d, complementado por uma bagageira com 420 litros de capacidade.

E, se é verdade que estamos a falar de um Classe A que se assume como um carro de família, o estilo imprimido ao modelo reflecte o seu pendor desportivo para quando queremos acelerar um pouco mais.

Estamos a falar de uma berlina equipada com um motor de quatro cilindros que "apenas" desenvolve 116 cv de potência e 260 Nm de binário máximos.

Na verdade, essa "carência" de poder não se sente em demasia numa condução normal, mesmo quando o levamos para uma estrada mais sinuosa e com um piso mais irregular do que é normal.

A berlina responde de forma efectiva sempre que aceleramos, apoiada numa transmissão bem escalonada e num binário que dá aquele impulso sempre que precisamos de mais força para ultrapassar situações de trânsito mais complicadas, como o Aquela Máquina enfrentou neste ensaio.

Afinal, o motor que equipa este modelo é capaz de chegar aos 206 km/hora de velocidade máxima, apesar de "demorar" 10,6 segundos para atingir os 100 km/hora.

É claro que essa "economia" de potência sente-se de imediato nos consumos: não conseguimos chegar aos 3,8 litros anunciados pela marca por cada centena de quilómetros percorridos, mas pouco passou dos quatro litros de consumo combinado.

Pureza de formas no interior

Se os nossos sentidos já tinham ficado despertos com as linhas exteriores do Classe A, melhor ainda ficaram quando entrámos para dentro do carro.

Sentimos de imediato o cuidado dos estilistas da Mercedes para apresentar um habitáculo moderno e vanguardista, mas sem descurar o conforto pragmático tipicamente germânico.

A parte principal do tablier estende-se a toda a largura do pára-brisas sem qualquer obstáculo pelo meio, com as entradas de ar, desenhadas como se fossem uma turbina, a ressaltarem de imediato ao nosso olhar.

Como afirma a marca, a transição entre o painel de instrumentos, a consola central e os revestimentos das portas são fluidas e envolventes, e isso sente-se de imediato quando nos sentamos ao volante.

O preço para a berlina 180d da Mercedes-Benz agora testada tem um preço-base de 32.950 euros sem equipamentos extra.

Já segue o Aquela Máquina no Instagram?

Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Jorge Manuel   12:15 - 19-11-2019
VOTAR
Pena é o motor ser Renault!
Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Subscrever Newsletter
pub
×
Enviar artigo por email

Restam 350 caracteres

×
Para poder adicionar esta notícia aos seus favoritos deverá efectuar login. Caso não esteja registado no site de Aquela Máquina, efectue o seu registo gratuito.