Pesquisa
Desporto

Silk Way Rally: Desprès repetiu a vitória

16:32 - 22-07-2017
 
Silk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitória
Silk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitóriaSilk Way Rally: Desprès repetiu a vitória

Cyril Desprès /David Castera (Peugeot 3008 DKR) venceram o Silk Way Rally, que terminou em X’ian, repetindo o sucesso de 2016. A derradeira etapa foi anulada devido às fortes chuvadas na região de Zhongwei, mas já estava tudo decidido: o piloto francês contava com mais de uma hora de vantagem depois de ter registado o segundo melhor tempo na 13ª etapa.

"A prova começou debaixo de chuva e terminou sob a chuva", comento Cyril Desprès. "Estou muito satisfeito por ter conseguido repetir a vitória. Estava sob alguma pressão, mas estou muito contente com o trabalho de equipa com o David [Castera]. Ambos viemos do mundo das motos e fomos obrigados a aprender rapidamente, mas ainda temos de ganhar mais confiança e experiência", acrescentou. 

Tal como no ano passado, o triunfo de Desprès foi a vitória da regularidade, numa prova onde a Peugeot dominou de forma evidente: ganhou 10 das 13 etapas disputadas. No início, Sébastien Loeb (Peugeot 3008 Maxi) marcou o ritmo, travou uma luta interessante com Stéphane Peterhansel, mas ambos ficaram afastados da conquista do primeiro lugar.

Peterhansel ficou fora da luta ao fim do quarto dia de prova, depois de capotar duas vezes. O Peugeot 3008 DKR foi recuperado mas passou a assumir o papel de "assistência rápida" dos seus companheiros de equipa. Depois do dia de descanso, foi a vez de Loeb errar e pagar com o abandono.

Nessa altura Peterhansel passou a ser a sombra de Desprès, escoltando-o durante as últimas etapas para evitar que o triunfo fugisse à Peugeot Sport.  "Estou muito contente com a vitória, mas também com o espírito de equipa demonstrado ao longo da prova", Bruno Famin, o director da Peugeot Sport.

Stéphane Peterhansel, o vencedor do último Dakar, ainda chegou ao 5º lugar da geral. 

"Foi uma prova muito complicada, talvez ainda mais do que estávamos à espera, mas isso foi importante porque necessitávamos de um desafio deste tipo para preparar da melhor forma o próximo Dakar", admitiu Bruno Famin. 

"Mentiria se não dissesse que estou desiludido", afirmou Stéphane Peterhansel. "Mas ao mesmo tempo estou satisfeito com o sucesso do Cyril [Desprès] e com o desempenho da Peugeot, que mostrou que temos um carro excelente em termos de velocidade e fiabilidade. Creio que o novo Maxi é um passo em frente muito importante e, mesmo sabendo que o Sébastien [Loeb] é um piloto muito rápido, as performances registadas mostram a qualidade do trabalho realizado pela Peugeot", rematou o francês. 

"Garantir a fiabilidade era fundamental e isso foi conseguido. Ao logo de todo o rali, e para além dos acidentes, apenas houve um problema com a direcção assistida no carro de Cyril [Desprès] e isso são excelentes notícias", acrescentou o patrão da equipa, que sabe que na América do Sul terá adversários com outro peso, seja do lado da Toyota ou mesmo no clã da Mini, que nesta prova chegou a andar entre os primeiros com Menzies.

Os responsáveis pela Kamaz até eram capazes de subscrever as palavras de Bruno Famin. Três camiões nos três primeiros lugares da geral mostram o domínio da equipa russa que pareceu algo apagada na fase inicial do rali, mas passaram ao ataque no Cazaquistão antes de afirmarem a sua superioridade na China.

Martin Kolomy (Tatra) foi o único que incomodou a armada Kamaz. Arriscou e perdeu nas primeiras etapas disputadas em território chinês. A Iveco foi a grande beneficiada, mas o quinto lugar de Artur Ardavicius sabe a muito pouco para uma marca que tem outras e maiores ambições...

Classificação final

Carros

1º Cyril Desprès (Peugeot): 41h 46m 25s
2º Christian Lavieille (Baicmotor): + 1h 04m 39s
3º Wei Han (Geely SMG Buggy): + 1h 11m 29s
4º Eugenio Amos (Buggy SMG Ford V8): + 2h 12m 12s
5º Stéphane Peterhansel (Peugeot): + 2h 37m 27s

Camiões

1º Dmitry Sotnikov (Kamaz): 43h 45m 38s
2º Anton Shibalov (Kamaz): + 06m 04s
3º Airat Mardeev (Kamaz): + 23m 12s
4º Artur Ardavicius (Iveco): + 2h 40 m 27s
5º Siarhei Viazovich (Mas) + 6h 28m 56s 

Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Utils/
Subscrever Newsletter
pub
×
Enviar artigo por email

Restam 350 caracteres

×
Para poder adicionar esta notícia aos seus favoritos deverá efectuar login. Caso não esteja registado no site de Aquela Máquina, efectue o seu registo gratuito.