Pesquisa
Desporto
Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1
17:50 - 11-04-2019
 
Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1
Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1Hamilton admite correr na Fórmula E quando deixar a F1

Lewis Hamilton, pentacampeão do mundo de Fórmula 1, acredita no sucesso das competições de automóveis eléctricos e afirmou que a Fórmula E é o futuro, tendo mesmo deixando no ar a possibilidade de ingressar nessa categoria daqui a alguns anos.

Num evento realizado no circuito de Silverstone para assinalar os 125 anos da Mercedes, Hamilton falou sobre o futuro da sua carreira e admitiu que pode seguir os mesmos passos do seu compatriota, Gary Paffet, que actualmente corre com a equipa HWA Racelab na Fórmula E.

"Eu cresci na mesma época do Gary Paffett. Ele é um pouco mais velho do que e agora está a competir na Fórmula E, e esse será o futuro", afirmou o piloto britânico da Mercedes-AMG Petronas, citado pela publicação britânica "The Sun".

"Quem sabe, no futuro, talvez seja uma área onde eu possa usar as minhas habilidades, mas à medida que você envelhece, é mais desafiador encontrar a motivação para manter o foco", acrescentou Hamilton.

Recorde-se que o contrato que liga Hamilton e a Mercedes termina no final de 2020 e o britânico tem evitado comentar o que vai fazer depois disso. Prolongar o seu vínculo com a marca de Estugarda é sempre uma possibilidade, mas com a chegada da Mercedes à Fórmula E e com estas declarações de Hamilton, este começa a ser outro cenário possível.

Certo, para já, é que Hamilton quer continuar ligado aos automóveis e às corridas. "Eu corro desde os oito anos de idade", atirou. "Tenho a certeza de que sempre amarei carros e, por enquanto, vou tentar permanecer na Fórmula 1. Desde que fique focado e em forma, continuarei a conduzir da melhor forma que puder", disse.

Raikkonen e Alonso são um exemplo para Hamilton, já que continuam a mostrar, ano após ano, que continuam a ser dois dos melhores pilotos do mundo. "Há outras coisas para fazer. Eu acho que existem outras competições que eu podia fazer. O Fernando Alonso está a correr na IndyCar, enquanto o Kimi Raikkonen ainda está a forçar os limites [na F1]".

Recorde-se que esta é a quinta temporada da FIA Fórmula E e o português António Félix da Costa, da BMW i Andretti Motorsport, é o líder com 62 pontos, mais 1 ponto do que o belga Jérôme D’Ambrosio, da Mahindra Racing.

Faltam 300 caracteres
Comentário enviado com sucesso
Subscrever Newsletter
pub
×
Enviar artigo por email

Restam 350 caracteres

×
Para poder adicionar esta notícia aos seus favoritos deverá efectuar login. Caso não esteja registado no site de Aquela Máquina, efectue o seu registo gratuito.